conecte-se conosco


MT

Abertura do projeto “Prata da Casa” – edição de Natal movimenta Assembleia Legislativa

Publicado

Foto: JLSIQUEIRA / ALMT

Hoje (3) teve abertura oficial da última edição do ano do “Prata da Casa”, projeto que disponibiliza espaço para os servidores da Assembleia Legislativa apresentarem seus talentos em artesanato e gastronomia. O evento, que começou ontem (02.12), acontece no saguão principal da ALMT, das 08 as 17 horas, e segue até sexta-feira.

O presidente da aLMT, deputado Eduardo Botelho (DEM) participou da cerimônia oficial de abertura e destacou a importância do evento para valorizar os servidores, além de promover a integração. “Este é um evento que dá destaque as outras aptidões dos servidores, que aqui apresentam o resultado de trabalhos artesanais. Ao mesmo tempo é uma oportunidade proporcionar um momento de confraternização”, destacou.

Coordenado pelo Instituto Memória do Poder Legislativo (IMPL) a exposição busca apresentar e valorizar outros talentos dos servidores que atuam na Casa. “Além de servir a instituição e a sociedade, muitos servidores do Legislativo estadual também se dedicam a trabalhos manuais por vocação e/ou como forma de complementar renda. E esse é um espaço para divulgar estes talentos”, destacou a superintendente do IMPL, Mara Visnadi.

Leia mais:  Deputados derrubam veto e motopatrulhamento da PM passa a ter identidade própria

Nesta edição estão montados 20 estandes. Na parte de gastronomia está sendo comercializado sanduíche natural, salgados, bolos, doces, queijo, mel, cucas, entre outros, com preços que variam entre 4 e 23 reais.

Já na parte de artesanatos, os servidores podem adquirir diversos produtos como enfeites, chinelos, oratórios, toalhas bordadas, camisetas bordadas, porcelanas, bonecos em crochê e outras coisas. Os valores variam entre R$ 10 e 200. O pagamento pode ser feito em dinheiro ou no cartão, com a possibilidade de se parcelar os valores mais altos.

A expositora Marisa Alves de França Antunes participa pela primeira vez da feira e já comemora os bons resultados de divulgação e venda dos alimentos fit e detox que produz. “Essa á primeira vez comercializo os meus produtos pessoalmente. Até então meu trabalho era nas redes sociais, mas essa oportunidade ajuda a divulgar e impulsiona as vendas” afirma satisfeita. Há dois anos ela deu inicio a produção de polpas de frutas para sucos detox e depois vieram os temperos e condimentos, tudo focado numa alimentação mais saudável.

Leia mais:  Treinamento orienta gestores e técnicos municipais sobre o Sistema do CadÚnico

Com a proposta de arrecadar fundos para uma entidade de apoio a pacientes em tratamento de câncer na Santa Casa, a servidora Elvira Maria Palma de Arruda Costa trouxe camisetas bordadas para vender. “Essa uma oportunidade de divulgar os trabalhos que a associação voltada para generosidade, amor e solidariedade realiza e ajuda a arrecadar recursos para dar continuidade aos atendimentos que, ao longo dos 8 anos de existência, já alcançou mais de 20 mil pacientes”, fala com orgulho.

Além das exposições para quem realiza criações nas áreas de gastronomia e artesanato, o evento também oportuniza a participação artística dos servidores com apresentações musicais. “Visite e prestigie esse evento genuinamente produzido pela Casa” convida a superintendente do IMPL.

Prata da Casa: é um evento cultural realizado pelo Instituto Memória. Ele já faz parte do calendário cultural da Casa Legislativa, que acontece quatro vezes por ano, próximas as datas comemorativas ao dia das mães, dos pais, dos servidores público e encerra com o Natal.

Fonte: ALMT
Comentários Facebook

MT

Cáceres institui programa para fomento da cidadania fiscal

Publicado

por

O município de Cáceres (220 km de Cuiabá) conta a partir deste mês com um Programa Municipal de Educação Fiscal. A medida tem o apoio da Secretaria de Fazenda (Sefaz), que coordena o Programa de Educação Fiscal no estado de Mato Grosso, e visa levar conhecimento aos cacerenses sobre origem, aplicação e controle dos recursos públicos.

A criação do Programa de Educação Fiscal de Cáceres foi aprovada e sancionada na quinta-feira (05), por meio da Lei Municipal nº 2.811.

“Desde o primeiro ano de gestão temos incentivado a participação popular na formulação das políticas públicas do município. Com o Programa da Educação Fiscal a participação popular dos cacerenses será ainda mais fomentada, contribuindo para a formação das crianças na participação do controle social”, afirma o prefeito Francis Maris Cruz.

Para o presidente da Câmara de Vereadores, Rubens Macedo, a relevância do Programa está em levar ao conhecimento da sociedade a importância da função socioeconômica dos tributos, incentivando o acompanhamento da aplicação dos recursos públicos.

A instituição de uma política pública voltada para a prática da cidadania fiscal é uma ação importante que possibilita o aperfeiçoamento dos mecanismos de planejamento, por meio da participação ativa da população. Após a aprovação da lei, o Decreto para regulamentar a legislação será publicado pelo município, assim como a Portaria designando os servidores responsáveis na implantação do Programa.

Leia mais:  Dez são presos por embriaguez e 47 são multados por dirigir sob efeito de álcool

De acordo com o gerente regional Atendimento ao Contribuinte, da Sefaz, Sandoval Vieira de Araújo, a pasta fazendária fará a capacitação dos profissionais da rede municipal que vão atuar no Programa de Educação Fiscal. O curso será ministrado pelos representantes do Programa da Educação Fiscal da Secretaria de Fazenda da Região Oeste, Leandro Xavier Ursolino e Anacleto Antunes Magalhães.

Programa Cidadania Fiscal

Instituído em 2015, o Programa Cidadania Fiscal de Mato Grosso tem como principais objetivos: inserir a educação fiscal no planejamento escolar; mobilizar e sensibilizar os gestores públicos para a melhoria da transparência do serviço público; sensibilizar os servidores quanto aos princípios básicos da administração pública e sua relação na melhoria da qualidade de vida da sociedade; disseminar dados e informações sobre a transparência na administração pública; incentivar o cidadão a exercer a cidadania fiscal, mediante o controle social do gasto público; além de incentivar o comprometimento do cidadão no processo de planejamento das ações de governo.

Junto com o Programa foi instituído também o Grupo de Educação Fiscal do Estado (GEFE/MT), coordenado pela Secretaria de Fazenda (Sefaz). O Grupo é responsável por desenvolver as ações da Cidadania Fiscal no estado.

Leia mais:  Intermat abre licitação para serviço de exploração de restaurante e lanchonete

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

MT

Delegado Claudinei destina R$ 2 mi de emendas livres à PJC/MT

Publicado

por

Deputado Claudinei entrega cópia da emenda de R$ 2 milhões que destinou à PJC

Foto: SANDRA LUCIA RODRIGUES COSTA

Ratificando o compromisso com as questões de segurança pública, o deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) destinou R$ 2 milhões de suas emendas parlamentares livres para a Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso (PJC-MT). Por lei, o deputado pode indicar R$ 3,276 milhões de emendas livres no Projeto de Lei Orçamentária Anual de 2020 (PLOA).  

Nessa semana, o coordenador de Desenvolvimento Institucional da PJC-MT, investigador Moacir Rodrigues de Menezes, esteve no gabinete do deputado Delegado Claudinei, representando a diretoria da Execução Estratégica da instituição e recebeu uma cópia da emenda destinada na PLOA de 2020.

“Pela PJC, o investigador Moacir estará junto à nossa equipe, cobrando o governo a execução dessa emenda de R$ 2 milhões que destino à nossa instituição. Quero que você leve a cópia dessa emenda para conhecimento do nosso diretor-geral da PJC, Mário Demerval. Espero que este valor possa no ano que vem contribuir para o fortalecimento das investigações e ações da PJC”, afirmou Delegado Claudinei.  

Na oportunidade, o coordenador agradeceu a ação do deputado Claudinei, que atuou como delegado por 18 anos, sendo 17 em Mato Grosso, dos quais dois destes esteve como delegado regional de Rondonópolis. “Em nome da Polícia Civil, agradeço o empenho e confiança depositada a nós ao destinar essa emenda para investimento da instituição e colaboração com os trabalhos da PJC. Principalmente, neste momento, em que o estado passa por dificuldades financeiras. Essa emenda vai fazer uma diferença muito grande para nós”, destacou Moacir. Deputados Delegado Claudinei e Elizeu Nascimento conseguem R$ 16 milhões junto à bancada dos R$ 27 milhões de emendas federais para 2020

Leia mais:  Projeto capacita professores na prevenção da violência e cultura de paz

Foto: Marcelo Lucas / Assessoria de Gabinete

AÇÕES PARA A PJC – Durante o ano de 2019, o deputado Delegado Claudinei realizou várias ações parlamentares que dizem respeito à Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso. Das suas indicações, 25 trataram de assuntos envolvendo a instituição, desde pedidos de reformas e construção de delegacias, bem como aumento de efetivos de delegados, investigadores e escrivães, pedido de viaturas, móveis e equipamentos. Dos ofícios encaminhados pelo gabinete, dois foram para atender à PJC, bem como cinco projetos de lei e três de projetos de lei complementar, além de Títulos de Cidadão Mato-grossense, moções de Aplausos e de Pesar. O deputado Claudinei realizou audiências públicas que discutiu fechamento de delegacias em Mato Grosso e a alteração do Código de Processo Penal.

Junto com os representantes de sindicatos da PJC, o Delegado Claudinei tem trabalhado para garantir que, na Reforma da Previdência, que a Polícia Judiciária Civil (PJC), agentes penais, do socioeducativo e da Polícia Técnica tenham as mesmas condições de aposentadoria que a Polícia Militar, Bombeiros e Forças Armadas.

Claudinei, que é vice-presidente da Comissão de Segurança Pública e Comunitária, também esteve em Brasília (DF), juntamente com o presidente dessa Comissão, o também deputado estadual Elizeu Nascimento (DC), em busca de emendas federais para atender à área de Segurança. Inclusive, nessa semana recebeu a informação do líder da bancada, deputado federal Neri Geller (PP), que dos R$ 27 milhões de emendas federais destinadas à Segurança Pública para 2020, R$ 16 milhões foram oriundos desta ida ao Distrito Federal em que Claudinei e Elizeu articularam junto aos demais parlamentares federais. Deputados da Comissão de Segurança Pública e Comunitária se reúnem com secretário da Casa Civil e representantes de Sindicatos para discutir reforma da Previdência

Leia mais:  Deputados derrubam veto e motopatrulhamento da PM passa a ter identidade própria

Foto: SANDRA LUCIA RODRIGUES COSTA

Além disso, o deputado conseguiu, no início do ano, que a Delegacia de Repressão e Entorpecentes (DRE) recebesse doação de equipamentos para intensificar combate ao crime organizado. A Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos de Veículos (DERRFVA) também recebeu novos equipamentos, a partir de articulação do Delegado Claudinei junto à Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz). O Delegado Claudinei também tem envidado esforços para desbloqueio de recursos na ordem de R$ 3,2 milhões destinados à construção da nova sede da Delegacia Especializada de Defesa da Criança e do Adolescente (Deddica), numa ação junto ao titular da Deddica,  o delegado Francisco Kunze Junior.

Como servidor público de carreira, durante o ano fez a defesa pelo pagamento do Reajuste Geral Anual (RGA) aos servidores estaduais, bem como cobrou a convocação de aprovados em concursos, em especial, daquelas carreiras da área de Segurança Pública, como a de delegados, investigadores e escrivães.

  Articulação do deputado Delegado Claudinei junto à Sefaz conseguiu doação de equipamenotos para a DRE

Foto: SAMANTHA DOS ANJOS FARIAS Deputado entrega Moção de Aplausos em Rondonópolis para servidora da PJC

Foto: Marcos Lopes

Fonte: ALMT
Comentários Facebook
Continue lendo

Segurança

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana





Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262