As instituições do sistema financeiro devem assegurar a prestação dos serviços financeiros essenciais à população enquanto perdurar o risco à saúde pública.

Para assegurar a saúde da sociedade frente à Covid-19 (coronavírus) e ao mesmo tempo garantir a prestação de serviços essenciais, o Banco Central (BC) determinou que as instituições financeiras ajustem seus horários de atendimento ao público nas agências presenciais.

Do Banco Central – O BC recomenda que os clientes de produtos e serviços bancários utilizem sempre que possível os canais digitais, como internet banking e aplicativos para celular. Somente se necessário, deve-se recorrer aos caixas eletrônicos.

Somente aquelas pessoas que não têm acesso a canais eletrônicos ou têm dificuldade em acessá-los devem recorrer às agências bancárias para realizar transações essenciais, como saques em dinheiro, pagamento de contas ou transferências de recursos. Esses casos serão avaliados pelas instituições financeiras.

O BC, em conjunto com as instituições financeiras, está trabalhando em planos de contingência para facilitar que todos os serviços essenciais sejam prestados.

Leia mais:  Pandemia causará recessão global em 2020, diz FMI

Os bancos e demais instituições deverão informar os clientes quanto aos novos horários de funcionamento das suas agências, bem como outras medidas emergenciais destinadas a evitar aglomerações de pessoas.

https://edicao-www.bcb.gov.br/conteudo/home-ptbr/PublishingImages/Jornalismo%20Interno/Presi/03%20-%20Atendimento%20Bancos%20-%20Coronav%C3%ADrus/Atendimento%20Bancos.jpg