conecte-se conosco


Policial

Com novo prédio, unidade de Cáceres tem missão de combater violência

Publicado

Débora Siqueira | Sesp-MT

Cáceres registrou 488 casos de violência doméstica no primeiro semestre de 2019. No ano passado foram registrados cerca de 2 mil boletins de ocorrência, 681 inquéritos policiais relatados e outros 640 instaurados por mulheres agredidas. O número chamou a atenção da delegada titular da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, Criança e Idoso, Judá Maali Pinheiro Marcondes.

Desde dezembro do ano passado quando assumiu a unidade, ela percebeu que o antigo prédio estava pequeno demais para os trabalhos desenvolvidos em parceria com o Alcoólicos Anônimos (AA) – que atua com palestras com agressores, uma vez que o abuso do álcool está presente na maioria dos casos de violência doméstica – e em parceria com o Ministério Público Estadual, por meio do projeto Luz, em que uma psicóloga recebe um único depoimento da criança agredida, para que ela não precise reviver os momentos de trauma mais de uma vez durante o processo judicial.

A nova sede, inaugurada na sexta-feira (09.08), é uma das seis delegacias da mulher em Mato Grosso, que buscam um atendimento mais humanizado à vítima. As crianças vítimas de violência também terão uma brinquedoteca para quando forem ouvidas em casos de violência e abuso sexual.

Leia mais:  Polícia Civil cumpre prisão jovem envolvido em diversos crimes em Colíder

“Temos o objetivo de combater a violência doméstica, trabalhando não só a repressão, mas na prevenção dos crimes, fazer um atendimento mais humanizado para mulheres, crianças, adolescentes e idosos”, disse a delegada.

Por meio do projeto Luz, muitos casos de violência e abuso sexual foram denunciados na delegacia, com atendimento psicológico. A promotora Liane Amélia Chaves comentou que agora o atendimento para crianças e adolescentes está consolidado com o que a lei prevê, como uma sala para o depoimento sem danos para que a vítima não sofra ao falar sobre o crime reiteradas vezes.

“A cidade de Cáceres tem muita carência e esse déficit econômico acaba influenciando na família. Temos muitas famílias numerosas, de filhos de vários pais e os problemas familiares são muito grandes. Muita mulher ainda não tem coragem de denunciar e às vezes se mantém no relacionamento com agressor do filho por uma dependência financeira”.

Para a magistrada Hanae Oliveira, o novo prédio mostra que o Governo de Mato Grosso está preocupado com Cáceres e se importa em levar o melhor atendimento para a população. “Toda essa estrutura lúdica faz com que a vítima relembre os momentos de agressão, mas se sentindo segura. O depoimento é colhido apenas uma vez e a vítima não precisará ser ouvida novamente em juízo, pois cada vez que fala revive os momentos de tortura”.

Leia mais:  Polícia Civil realiza palestras preventivas em Santo Afonso e Nova Marilândia

O secretário adjunto de Inteligência Policial de Secretaria de Estado de Segurança Pública, Wilton Massao Ohara, destacou que os 13 anos da Lei Maria da Penha, recém celebrados, mostram que houveram muitos avanços, especialmente no tratamento das vítimas. “Em alguns estados aumentaram em 98% o número de casos, o que especialmente neste tipo de crime não é ruim que ocorra, isso significa que as vítimas estão perdendo o medo e denunciando. Elas não aceitam mais viver sob uma vida de agressões e abusos. A delegacia está de parabéns pelo espaço e por atuar não só na repressão, mas em projetos para a prevenção”, destacou.

Fonte: PJC MT

Policial

Polícia Civil prende jovem com celular furtado de frigorífico em Confresa

Publicado

por

Assessoria | PJC-MT

A Polícia Civil de Confresa prendeu em flagrante um jovem acusado de receptar um aparelho celular produto de furto. O suspeito, D. M. J., 20 anos, foi flagrado em posse do aparelho celular furtado de um frigorífico no município.

Através do trabalho de nvestigação, a Policia Civil de Confresa descobriu que o acusado estaria em posse do aparelho celular furtado, modelo Samsung Modelo J5 Prime da cor preta. Em diligências, os investigadores localizaram o jovem e o conduziram para a Delegacia de Polícia para maiores esclarecimentos.

Durante entrevista, o conduzido informou para os Investigadores que havia adquirido o Aparelho pelo valor de R$ 450,00 reais de uma terceira pessoa que disse não conhecer. Na checagem pelo número de IMEI do aparelho, os Investigadores constataram se tratar do celular furtado no mês de junho no frigorífico no município.

Diante dos fatos, foi lavrado o flagrante contra o suspeito pelo crime de receptação. O aparelho celular foi apreendido e será restituído para seu verdadeiro proprietário.

Leia mais:  Polícia Civil de Jaciara prendem homem e mulher foragidos da Justiça

A Polícia Civil orienta a população a não comprar produtos de origem criminosa, pois estará sujeito a incorrer no crime de receptação, com pena de reclusão de 1 a 4 anos e multa.

 

Fonte: PJC MT
Continue lendo

Policial

Homem acusado de tentativa de feminicídio tem prisão cumprida na Capital

Publicado

por

Assessoria | PJC-MT

Um homem acusado de tentativa de feminicídio foi preso pela Polícia Judiciária Civil, na tarde de terça-feira (13.08), em Cuiabá, durante ação da Gerência Estadual de Polinter para cumprimento de mandado judicial de prisão expedido pela Justiça.

Oeder da Silva Correa, 28, estava com a ordem de prisão preventiva decretada pela 2ª Vara Especializada de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher da Comarca de Cuiabá. Ele foi localizado pela equipe da Polinter no bairro Jardim Industriário.

O suspeito é investigado por praticar a tentativa de homicídio qualificado, no mês de julho, contra sua companheira. A vítima foi violentamente agredida com garrafadas e pedradas na região da cabeça, causando cortes profundos e em que foram necessários  trinta e oito pontos, além de outras lesões.

Na ocasião, a vítima foi salva por vizinhos que intercederam socorrendo a mulher, e evitando a sua morte. De posse do mandado de prisão expedido, os policiais civis realizaram diligências conseguindo surpreender e prender Oeder, no bairro Jardim Industriário.

Em cumprimento judicial o suspeito foi conduzido para Polinter, e posteriormente apresentado para audiência de custódia, ficando à disposição da Justiça.

Leia mais:  Polícia Civil prende traficante com entorpecentes e munições em Rondonópolis

 

 

Fonte: PJC MT
Continue lendo

Política MT

Policial

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana