conecte-se conosco


SEGURANÇA

Fapemat vai desenvolver ferramentas tecnológicas para Segurança Pública

Publicado


Julia Oviedo | Sesp-MT

O secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante e o presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Mato Grosso (Fapemat), Adriano Silva, formalizaram nesta terça-feira (18.02) uma parceria para o desenvolvimento de produtos tecnológicos utilizados pelas forças de segurança do Estado. Ao todo, seis editais estão abertos e o investimento total será de R$ 1,3 milhão.

O investimento vai gerar uma economia de quase R$ 19 milhões aos cofres públicos. Caso desenvolvesse uma destas ferramentas por meio da iniciativa privada, o Estado desembolsaria aproximadamente R$ 20 milhões.

Uma das ferramentas é a criação de um sistema de gerenciamento dos equipamentos de serviço do Corpo de Bombeiros Militar (CBM) em tempo real. Outro, é para um aplicativo de celular para a Polícia Judiciária Civil (PJC) que possibilita que o policial civil tire fotos em 3D de objetos encontrados no momento da ocorrência, especificando cor, tamanho, peso, volume, forma, etc.

Um terceiro edital prevê a criação de uma ferramenta que analisará a base de dados estatística da Polícia Militar e conseguirá prever possíveis ocorrências futuras. O projeto piloto será desenvolvido apenas na região central de Cuiabá e, dependendo do sucesso da iniciativa, pode se expandir para outras regiões da cidade e, consequentemente, do estado.

Outros projetos também preveem a criação de uma plataforma interligando todos os sistemas da Secretaria de Segurança Pública (Sesp) e das forças de segurança do Estado. Além disso, a criação de um sistema de requisições e laudos da Politec, com a finalidade de informatizar os processos e deixá-los 100% online.

“É como se você fabricasse o sapato para o seu próprio pé: a academia será a fábrica e eu direi se o sapato está adequado ou não”, exemplificou o secretário de Segurança Pública, Alexandre Bustamante. O titular da pasta acredita que é o momento de o Estado investir menos na iniciativa privada e mais em instituições. Além disso, a parceria também irá valorizar o conhecimento científico de pesquisadores mato-grossenses.

“É uma experiência que estamos apostando muito, porque afinal de contas, você traz a academia para ajudar o Estado, primeiro diminuindo custos e segundo, desenvolvendo produtos com a chancela do Estado. Por isso, a Fapemat vem ajudar a gente nisso: sendo uma interlocutora entre as diversas universidades do estado com a área de segurança. Eu tenho certeza no sucesso desta iniciativa, que além da área de segurança também se desdobrará para outras secretarias”, pontuou Bustamante.

Em Mato Grosso, há quase 2 mil professores doutores, segundo a Fapemat. Além disso, o Estado possui uma grande demanda por produtos e serviços que podem ser desenvolvidos por estes profissionais. É o que defende o presidente da Fapemat, Adriano Silva.

“Nós estamos encurtando essa relação pesquisadores e Estado. E quero parabenizar o secretário Alexandre Bustamante e a equipe da Sesp que acreditou nesta parceria, que está sendo desenvolvida desde o ano passado e que resultará no benefício da sociedade”, disse Adriano Silva.

Modelo cearense

Durante a reunião, Bustamante relembrou do modelo de tecnologia para a atividade policial praticado no Ceará, que ele teve acesso durante reunião do Colégio Nacional de Segurança Pública (Consesp), realizada em Fortaleza em maio do ano passado. O modelo de parceria entre Segurança Pública cearense e Universidade Federal do Ceará foi o que inspirou o secretário da Sesp a buscar na Fapemat uma alternativa aos produtos comercializados na iniciativa privada.

“Este é o momento de o Estado olhar mais para as instituições como celeiro de produtos e serviços. Ele não pode simplesmente ficar refém da iniciativa privada”, finalizou Bustamante.

Editais

Os seis editais já estão abertos e também podem ser acessados pelo site da Fapemat. Confira:

Edital FAPEMAT Nº. 001 /2020 Segurança Pública – Corpo de Bombeiro Militar
Edital FAPEMAT Nº. 002/2020 Segurança Pública – Policia Judiciaria Civil
Edital FAPEMAT Nº. 003/2020 Segurança Pública – STI
Edital FAPEMAT Nº. 004/2020 Segurança Pública – STI
Edital FAPEMAT Nº. 005/2020 Segurança Pública – POLITEC
Edital FAPEMAT Nº. 005/2020 Segurança Pública – POLITEC

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook

SEGURANÇA

Polícia Civil recupera carga de óleo lubrificante e prende dois

Publicado


Assessoria | PJC-MT

Uma carga de óleo lubrificante avaliada em cerca de R$ 5 mil e proveniente de crime de estelionato, foi recuperada pela Polícia Judiciária Civil, por meio da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Várzea Grande. 

A ação realizada no sábado (22.02) resultou na prisão de dois suspeitos por receptação.

Durante averiguação de uma denúncia anônima no bairro São Matheus, em Várzea Grande, os policiais civis surpreenderam dois indivíduos descarregando os galões de óleo lubrificante. Na checagem do material foi constatado se tratar dos produtos de crime.

Conforme apurado, os suspeitos efetuaram a compra dos galões utilizando o cadastro de uma empresa do ramo do agronegócio, a qual recebeu a nota fiscal. Uma vendedora da empresa descobriu que não havia sido realizada nenhuma compra, porém, os produtos já haviam sido entregues aos criminosos.

Toda carga recuperada foi apreendida e levada para Derf-Várzea Grande, juntamente com os dois indivíduos que foram ouvidos e autuados em flagrante delito por receptação.

As investigações continuam com objetivo de identificar e prender os envolvidos no estelionato.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

SEGURANÇA

Polícia Civil leva orientações sobre drogas a funcionários de empresa de segurança

Publicado


Assessoria PJC-MT

Profissionais de uma empresa de segurança privada participaram das atividades de cunho preventivo, inseridas no programa social “De Cara Limpa Contra as Drogas” desenvolvido pela Coordenadoria de Polícia Comunitária, da Polícia Judiciária Civil.

O encontrou foi realizado na quinta-feira (20.02), na sede da empresa Brinks, em Cuiabá.

Ao todo, 53 trabalhadores da empresa de segurança participaram da palestra com o tema “Drogas Lícitas e Ilícitas”, visando sensibilizar e conscientizar o público alvo sobre a prevenção ao uso de substâncias entorpecentes.

Na ocasião foram feitas apresentações educativas e orientativas. Além de alertar, a idéia é também de aproximar cada vez mas a sociedade da polícia.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Segurança

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana





Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262