conecte-se conosco


MT

Guiratinga comemora 88 anos com parcerias estaduais em infraestrutura, saúde e segurança

Publicado


Guiratinga, no sudoeste mato-grossense, 15.245 habitantes, distante 237 quilômetros de Cuiabá, comemora nesta segunda-feira, 02 de agosto, seu 88º aniversário de emancipação administrativa com forte presença do Governo do Estado.

Na atual gestão, o município foi beneficiado com pavimentação e restauração de mais de 130 quilômetros de rodovias, com investimentos superiores a R$ 110 milhões; maquinário para manutenção de estradas de terra; patrulha mecanizada e resfriadores de leite para apoio à agricultura familiar; e auxílio  financeiro e material a famílias carentes.       

Infraestrutura

No final de 2019, foi concluída a pavimentação de 41,4 quilômetros da MT–100, a construção da ponte de concreto sobre o rio Batovi, entre o município e Tesouro e a restauração de 62,74 quilômetros da MT–270, no sentido Rondonópolis. Ambos os investimentos somam mais de R$ 90 milhões.  

Ainda por meio da Sinfra (Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística), foram pavimentados 26,7 quilômetros da MT-110, entre Guiratingae Alto Garças. Este é o primeiro lote de obras para interligar Alto Garças e Guiratinga. Estão sendo investidos R$ 21,3 milhões.  

Pavimentação da MT 110 entre Guiratinga e Alto Garças – Foto Sinfra/MT 

Guiratinga também será beneficiada com a pavimentação de 66,44 quilômetros das rodovias MT-461 e MT-459, além de uma ponte de concreto na MT-459. Foi publicado o edital de licitação para elaboração dos projetos, que atenderão diretamente ainda Pedra Preta, Itiquira, Alto Garça e São José do Povo.

Leia mais:  Batalhão de Trânsito da PM promove 2º Pit Stop Pedal Tran neste domingo (19)

Para auxiliar na manutenção de 275 quilômetros de rodovias não pavimentadas, a Prefeitura de Guiratinga recebeu do Governo do Estado uma motoniveladora, complementando o maquinário municipal.  

Agricultura familiar

Para atendimento a agricultores familiares, o município recebeu, no início deste ano, uma patrulha mecanizada, composta por trator agrícola, carreta basculante e grade aradora, e dois resfriadores de leite, com capacidade para até mil litros.

Assistência Social

Por meio da Setasc (Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social), além da entrega de 619 cartões do Ser Família Emergencial, foram doados a famílias carentes do município 800 cestas básicas entre 2020 e 2021 pelo programa Vem Ser Mais Solidário e 1.174 cobertores, pelo Aconchego.

Segurança

Guiratinga é um dos 50 municípios a serem beneficiados com a implantação de radiocomunicação digital, pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (SESP). Esta é a terceira etapa do Projeto, que prevê todo o Estado utilizando a ferramenta até o próximo ano. 

Saúde e repasses

A SES (Secretaria de Estado de Saúde) repassou ao município 1.300 testes rápidos para detecção do coronavírus e medicamentos para combatê-lo, num total de 55.416 comprimidos, entre azitromicina (6.813), ivermectina (5.451) e dipirona (43.152), também distribuído em gotas, com 1.060 frascos.              

Entre 2020 e 2021, o Governo do Estado repassou R$ 16,9 milhões aos cofres municipais em ICMS, IPVA e Fethab; R$ 1,698 milhão em assistência social, transporte escolar e emendas parlamentares entre 2019 e 2020; e R$ 1,3 milhão em fundos de saúde entre 2019, 2020 e 2021.

Leia mais:  Governo entrega 104 títulos de regularização fundiária no aniversário de Diamantino

Economia

Segundo o IBGE, em 2018, o setor agropecuário, com R$ 176,388 milhões, foi o principal componente do Produto Interno Bruto (PIB) municipal, de R$ R$ 378,2 milhões. Administração Pública (R$ 87, 8 milhões), Serviços (R$ 79,988 milhões), Impostos (R$ 20,27) milhões e indústria (R$ 13,76 milhões) fecharam a soma. O PIB per capita foi R$ 25.157,11.                                                                                                                                                                  

Em 2019, 264 empresas ou organizações ativas pagaram R$ 32,4 milhões, entre salários e outras remunerações, a 1.371 pessoas ocupadas (9,1% da população), das quais 1.108 assalariadas. Média mensal de 2,2 salários mínimos.                                                                                                              

Soja (227,7 mil toneladas), milho (177,25 mil) e algodão (35,3 mil) foram os principais cultivos guiratinguenses em 2019, segundo o IBGE, que registrou ainda a produção de banana, cana de açúcar, feijão, mandioca, melancia e sorgo.

Na pecuária, deteve em 2019 um rebanho bovino com 196,2 mil cabeças, das quais 3.340 vacas ordenhadas com 2,96 milhões de litros de leite; rebanho galináceo com 31,18 mil cabeças, das quais 13.415 galinhas com 60 mil dúzias de ovos, além 4.392 suínos (277 matrizes), 3.617 equinos, 2.327 ovinos e 4,8 toneladas de peixes em cativeiro.

Primeiro no ranking estadual, Guiratinga possui 17 mil hectares com plantação de eucalipto. 

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook

MT

Domingo (19): Mato Grosso registra 531.303 casos e 13.714 óbitos por Covid-19

Publicado


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde deste domingo (19.09), 531.303 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 13.714 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 259 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 531.303 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso 4.130 estão em isolamento domiciliar e 512.652 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 162 internações em UTIs públicas e 87 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está 38,76% para UTIs adulto e em 15% para enfermarias adultos.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (109.529), Rondonópolis (37.445), Várzea Grande (37.390), Sinop (25.634), Sorriso (18.075), Tangará da Serra (17.642), Lucas do Rio Verde (15.551), Primavera do Leste (14.638), Cáceres (11.708) e Barra do Garças (10.539).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

Leia mais:  Batalhão de Trânsito da PM promove 2º Pit Stop Pedal Tran neste domingo (19)

O documento ainda aponta que um total de 386.221 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 116 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

No sábado (18.09), o Governo Federal confirmou o total de 21.230.325 casos da Covid-19 no Brasil e 590.508 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país tinha 21.080.219 casos da Covid-19 no Brasil e 589.573 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados deste domingo (19.09).

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança.

Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

Leia mais:  Polícia Civil esclarece latrocínio de advogado e cumpre ordens judiciais contra líder de grupo que planejou o crime

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

MT

Mauro Mendes assinará contrato para construção da 1ª Ferrovia Estadual de MT

Publicado

A ferrovia vai interligar os municípios de Rondonópolis a Cuiabá, além de Rondonópolis com Nova Mutum e Lucas do Rio Verde


O governador  assinará nesta segunda-feira (20.09) o contrato de adesão junto à Rumo Logística S/A para a construção, implantação e exploração de 730 quilômetros da primeira ferrovia estadual de Mato Grosso.

A assinatura ocorrerá em três atos distintos: em Cuiabá será às 9h30, no Centro de Eventos do Pantanal; em Nova Mutum, às 15h, no Centro de Eventos Casarin; e no município de Lucas do Rio Verde, às 18h, no Parque de Exposições Roberto Munaretto. Os três atos serão transmitidos ao vivo pelo Facebook do Governo de Mato Grosso.

A ferrovia vai interligar os municípios de Rondonópolis a Cuiabá, além de Rondonópolis com Nova Mutum e Lucas do Rio Verde, conectando-se à malha ferroviária nacional, em direção ao Porto de Santos (SP).

O projeto prevê investimento de R$ 11,2 bilhões para a implantação da ferrovia estadual. Estudos realizados pela Rumo Logística indicam que mais de 230 mil empregos serão gerados durante os anos de construção da ferrovia.

Leia mais:  Domingo (19): Mato Grosso registra 531.303 casos e 13.714 óbitos por Covid-19

Participam ainda dos eventos senadores, deputados federais, deputados estaduais, secretários de Estado, representantes da Rumo Logística, prefeitos e autoridades dos municípios que receberão o traçado da ferrovia.

Coletiva

Em Cuiabá, o governador atenderá a imprensa em entrevista coletiva, às 9h30, no Centro de Eventos do Pantanal, com duração de 30 minutos.

Em Nova Mutum e Lucas do Rio Verde, o governador atenderá aos jornalistas nos locais dos eventos.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Segurança

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana





Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262