conecte-se conosco


Cuiabá

VLT: “Ninguém tem essa autoridade e legitimidade sozinho”, defende Emanuel Pinheiro

Publicado

Com foco em dialogar sobre a escolha do melhor modal para Cuiabá, o gestor criou o Comitê de Análise Técnica para Definição do Modal de Transporte Público da Região Metropolitana do Vale do Rio Cuiabá

NAIARA LEONOR

 

 

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro tornou a defender que a população seja ouvida em decisão quanto ao novo modal de transporte público para Cuiabá e Várzea Grande. Para Pinheiro, a decisão estadual foi tecnocrata e o melhor caminho é a convocação de um plebiscito, para que os próprios usuários do transporte coletivo decidam o que mais atende as demandas diárias da capital.

“Vamos ser democráticos, vamos ser responsáveis, corretos com a população. Quer mudar? Vamos mudar, mas não sem ouvir a população de Cuiabá e Várzea Grande, ninguém tem essa autoridade e legitimidade. Nem o Estado sozinho, nem Cuiabá sozinha e nem Várzea Grande sozinha. Então vamos ouvir o povo, que é o maior interessado, ele deve dizer se quer VLT ou BRT, e a decisão popular tirada de um plebiscito eu acato”, disse o prefeito de Cuiabá.

Leia mais:  Juca apresenta indicações e pede auxílio aos profissionais da saúde da linha de frente do combate à covid-19

De acordo com o gestou, o plebiscito está previsto na Constituição de Mato Grosso, mas que por nunca ter sido usado causa estranhamento. A proposta de convocar a população às urnas para decidir sobre o melhor modal de transporte para a capita e sua cidade vizinha, foi apresentada pelo deputado Federal Emanuel Pinheiro Neto e lida pelo prefeito Emanuel Pinheiro em audiência pública no último dia 08 de fevereiro na Assembleia Legislativa de Mato grosso (ALMT). É a Casa de Leis que deve convocar e aprovar a consulta pública. Posteriormente, o chamamento de uma eleição para escolha do modal deve ser organizada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) em um prazo máximo de 90 dias.

“Quando Emanuelzinho lançou a ideia do plebiscito eu abracei de corpo e alma, porque muita gente não sabe, mas ele está previsto na Constituição Estadual, é que Mato Grosso nunca fez plebiscito, por isso que as pessoas estranham, não estão acostumados a dar voz ao povo. Ele funciona como uma campanha eleitoral. O TRE vai normatizar, vai ter uma campanha com horário eleitoral gratuito para os dois modais, a população vai conhecer quando a vantagem e desvantagem de um e de outro por 30 dias, com debates diários, por isso o plebiscito é honesto”, explicou Pinheiro.

Leia mais:  Cuiabá é a capital do Centro-Oeste com segundo melhor percentual de aplicação de doses da vacina contra a covid-19

Com foco em dialogar sobre a escolha do melhor modal para Cuiabá, o gestor criou o Comitê de Análise Técnica para Definição do Modal de Transporte Público da Região Metropolitana do Vale do Rio Cuiabá, em 22 de janeiro via decreto municipal. Além de sua comissão técnica permanente, serão convidadas instituições, como FIEMT, Sinduscom-MT, CREA-MT e CAU-MT para colaborar com o debate nas reuniões, que devem ser abertas para participação pública também.

Comentários Facebook

Cuiabá

Idosos comemoram vacinação e elogiam novo polo implantado pela Prefeitura de Cuiabá

Publicado


Davi Valle

Clique para ampliar

Idosos da região sul de Cuiabá comemoraram imunização contra a Covid-19, no novo polo de vacinação instalado no Sesc Balneário, que começou nesta quarta-feira (14). No local estão sendo atendidos a princípio os idosos de 65 a 69 anos. O horário de atendimento é das 9h às 16h, de maneira presencial.

“Eu estava aguardando ansiosamente, só não sabia quando ia acontecer. Aqui ficou ótimo a localização, mais perto para gente que mora para esses lados. Graças a Deus não peguei a doença, sempre tomei todos os cuidados e hoje não tenho do que reclamar, o atendimento foi ótimo”, disse Antônio Eugenio Ribeiro, 69 anos, após receber a primeira dose da vacina.

Acompanhado do neto, Wellington Francisco Ribeiro, que também relatou o sentimento de alívio, os dois agora aguardam pela data da 2ª dose da vacina. “A gente fica menos preocupado, porque todo dia ouvimos e vemos gente morrendo dessa doença. Além disso, o atendimento aqui foi ótimo bem rápido, e principalmente sem aglomeração”, afirmou.

A moradora do bairro Tijucal, Maria Aparecida Lopes, de 66 anos, também foi uma das que ficaram felizes após ser imunizada. Com sorriso no rosto, ela contou a respeito da ansiedade sentida pela vacina, desde que começou a campanha contra o vírus.

Leia mais:  Projeto prevê priorização de professores, quilombolas e indígenas na vacinação

“Eu estou me sentindo muito aliviada, porque estava esperando com muita ansiedade essa vacina, e graças a Deus chegou a minha vez. Estava sempre me cuidando em casa, me isolei e não peguei essa doença. Esse polo de vacinação ficou muito bom aqui, porque daqui [do Tijucal] até o Centro de Eventos seria muito longe. Eu gostei da estrutura e da organização toda”.

A filha de Maria, Katia Cristina Cunha, retratou a felicidade bastante emocionada, já que segundo ela, a mãe tem comorbidades. “O alívio que eu sinto é muito grande, porque além da idade, ela é do grupo de risco, estava bem preocupada com isso, e até estávamos nos isolando dela por isso, porque ela tem diabetes, pressão alta e já fez cirurgia do coração. Agora ficamos mais tranquilos, sabemos que ainda não ta totalmente imunizada, porque falta a segunda dose, mas o sentimento é de alívio e felicidade”, contou.

Agamenon Ribeiro, de 68 anos, também falou sobre o sentimento de felicidade após receber a vacina. O neto dele, Kaleb Matheus Ribeiro, que o acompanhava, elogiou o novo polo e por estar facilitando a vacinação para quem mora na região. “Agora é menos um risco, graças à Deus a primeira dose chegou, e em breve virá a segunda, e aí sim ele vai estar devidamente imunizado. Como moramos em chácara na região do Coxipó, esse polo aqui ficou bem perto, fora o atendimento que está nota 10, o pessoal atende muito rápido, são educados e tiram todas nossas dúvidas”, elogiou.

Leia mais:  Casal internado com Covid comemora alta juntos; 31 pacientes foram liberados em 11 dias

APÓS O CADASTRO NO SITE ESTAR PRONTO, PARA SABER O DIA E HORÁRIO DO AGENDAMENTO, SIGA OS SEGUINTES PASSOS:

-Entre no site www.vacina.cuiaba.mt.gov.br;

-Clique em PRÉ CADASTRO;

-Clique em CONSULTAR CADASTRO;

-Preencha com o número do CPF e clique em CONSULTAR CADASTRO;

-No fim da página, aparecerá a data e o horário do agendamento. Clique no desenho da     impressora para gerar o QR Code. Imprima ou tire um print do QR Code para levar no dia que for se vacinar.

-Caso a pessoa tenha feito o cadastro no site, mas ainda não apareceu seu agendamento, ela entrará em uma fila de espera e será agendada nos próximos dias, sempre seguindo por ordem cronológica de cadastro.

Comentários Facebook
Continue lendo

Cuiabá

Cuiabá é a capital do Centro-Oeste com segundo melhor percentual de aplicação de doses da vacina contra a covid-19

Publicado


Davi Valle

Clique para ampliar

Cuiabá é a segunda melhor capital do Centro-Oeste em percentual de aplicação das doses recebidas para a campanha de imunização contra a covid-19, com 62,7% de aplicação, estando à frente do Distrito Federal e de Goiânia, que registram 56% e 36,7%, respectivamente, segundo a plataforma Localiza SUS, do Ministério da Saúde, na tarde desta quarta-feira (14). O site é atualizado diversas vezes ao longo do dia, conforme os Municípios alimentam o Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SI-PNI). 

O bom desempenho ocorre mesmo com o fato de Cuiabá ser a capital da região que menos doses recebeu do Ministério da Saúde: 122.067, enquanto o Distrito Federal recebeu 632.310, sendo a que mais doses recebeu do governo federal. Por outro lado, o próprio Ministério da Saúde informa que, no cálculo do percentual de aplicação, entram doses reservadas à segunda aplicação, que devem ser utilizadas apenas dentro do intervalo recomendado entre a primeira e segunda dose, que varia de acordo com o fabricante. 

É isso o que explica, por exemplo, porque Cuiabá estava com 71,8% de aplicação há duas semanas e agora está com 62,7%. Em abril, chegaram para Cuiabá três remessas de vacinas que totalizam 37.345 doses. Dessas, 27.079 são exclusivas para segunda aplicação. Uma parte já foi utilizada nesta semana e a maioria somente poderá ser utilizada a partir do dia 20 de abril e outra parte no dia 28 de abril e ainda no início de maio. 

Leia mais:  Câmara aprova projeto de Rodrigo Arruda e Sá que institui Minuto de Oração

O prefeito Emanuel Pinheiro destaca que a Capital mato-grossense segue à risca o Plano Nacional de Imunização (PNI) inclusive as bulas das vacinas, priorizando a excelência no atendimento à população. “A nossa meta e o nosso maior sonho é ver todos os cuiabanos imunizados e livres da covid-19. Por isso, estamos trabalhando com método e organização, cumprindo as determinações da Comissão Intergestora Bipartite (CIB), que regulamenta o uso das doses enviadas para o estado; bem como as recomendações dos órgãos de controle, no intuito de juntos, promovermos a real imunização da nossa gente. Uma coisa é vacinar, e outra, muito mais salutar, é a imunização, como minha equipe técnica gosta de lembrar. E para isso, precisamos agir com seriedade e transparência. Hoje Cuiabá é a segunda melhor capital do Centro-Oeste no quesito aplicação das doses recebidas e estamos acima da média regional, que é de 62%, enquanto nós estamos com 62,7%. Poderíamos estar melhor colocados, se não fosse o fato da maior parte das doses serem para segunda aplicação”, destacou. 

Leia mais:  Casal internado com Covid comemora alta juntos; 31 pacientes foram liberados em 11 dias

Pinheiro afirmou ainda que com a descentralização da vacinação ocorrida ao longo desta semana, assim que chegarem novas remessas de doses para primeira aplicação, Cuiabá irá atingir patamares ainda melhores. “Nesta semana, graças à parceria com diversas instituições, como a FIEMT, a Fecomércio, a Universidade Federal de Mato Grosso, abrimos novos polos de vacinação no SESI Papa, na UFMT e no balneário do SESC e, com isso, nosso potencial de aplicação de vacinas passou de 1,5 mil para 4 mil doses por dia. Assim que Cuiabá receber mais vacinas para primeira aplicação, conseguiremos atingir ainda mais idosos”, frisou.

Comentários Facebook
Continue lendo

Segurança

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana





Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262