conecte-se conosco


SEGURANÇA

Polícia Civil esclarece homicídio cometido por facção criminosa em Alta Floresta

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um homicídio ocorrido no mês de agosto em Alta Floresta (803 km ao Norte de Cuiabá) foi esclarecido pela Polícia Judiciária Civil com a identificação de três envolvidos, entre eles a mandante e os executores do crime. Segundo as investigações o crime foi cometido a mando de uma facção criminosa, pelo fato de a vítima ter descumprido regras impostas pelo grupo.

Apontada como uma das líderes do grupo criminoso, Jovina Carole Barbosa da Silva, a “Madrinha” foi identificada como a mandante do crime, que foi executado pelos suspeitos, Raiam Levino da Costa e Ronald Batista.

O corpo da vítima, Fernando Pires de Mello, 28, foi encontrado com várias lesões na cabeça, no dia 11 agosto, em um matagal às margens de uma estrada que liga o bairro Boa Esperança ao setor de chácaras em Alta Floresta. No local, também foram encontradas duas pedras sujas de sangue que possivelmente foram utilizadas para golpear a vítima.

De acordo com o delegado, Pablo Carneiro, durante as investigações foi identificado que a vítima era membro da facção criminosa e teria recebido ordens dos líderes do grupo, para não frequentar mais o bairro Vila Nova, após se envolver em confusões na região.

Leia mais:  Ponto de venda de droga é fechado e homem preso no bairro Dom Aquino

“Como a vítima não obedeceu as ordens, a suspeita conhecida como ‘Madrinha’ determinou que outros dois integrantes aplicassem o castigo, conhecido como ‘salve’, dentro da facção”, disse o delegado.

Com base nos levantamentos, o delegado representou pela prisão preventiva dos suspeitos, as quais foram decretadas pela Justiça. “Madrinha” e o suspeito Ronald já estavam presos por outros crimes e tiveram os mandados de prisão cumpridos dentro das respectivas unidades prisionais. O terceiro suspeito, Raiam,continua foragido e é procurado pela Polícia. 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook

SEGURANÇA

Polícia Civil prende jovem e apreende adolescente por atuação com tráfico em Rondonópolis

Publicado

por

Assessoria | PJC-MT

Um jovem foi preso e um menor apreendido pela Polícia Judiciária Civil, na manhã desta sexta-feira (06.12), no município de Rondonópolis (212 km ao Sul de Cuiabá), por envolvimento com o comércio de drogas na região.

A ação deflagrada pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) resultou também na apreensão de mais de 4 quilos de maconha, além de uma arma de fogo (revolver de calibre 22) com numeração suprimida.

Lorran Freitas Vieira, 20, foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico e por porte, posse, aquisição, transporte ou fornecimento de arma de fogo com identificação adulterada.

Já o adolescente L.P. de 17 anos responderá ato infracional análogo ao crime de porte, posse, aquisição, transporte ou fornecimento de arma de fogo com identificação adulterada.

Os suspeitos eram investigados há alguns meses por atuar com a venda de drogas na região do bairro Cidade de Deus. Conforme apurado, os suspeitos usavam aplicativo  WhatsApp para comercializar o entorpecente.

Leia mais:  Polícia Civil cumpre prisão contra autor de diversos crimes na capital

Durante trabalho de monitoramento, os investigadores conseguiram abordar os investigados na manhã de sexta-feira (06), em uma casa no bairro Sagrada Família. Na ocasião, acontecia intensa movimentação de pessoas, porém algumas conseguiram fugir no momento da chegada dos policiais.

Em poder dos suspeitos, foram encontrados quatro tijolos de maconha, além de diversos pedaços da mesma substância e outra porção de pasta base de cocaína. Questionado, o menor L.P. revelou que tinha em casa uma arma de fogo, proveniente de um furto praticado em um sítio na zona rural do município.

O adolescente também contou que estava planejando um roubo de veículo em Rondonópolis e em seguida outro assalto a uma fazenda nas proximidades da cidade de Pedre Preta.

Diante dos fatos, Lorran Freitas Vieira e o infrator foram conduzidos à Derf de Rondonópolis, onde foi lavrado o flagrante. O preso foi apresentado para audiência de custódia ficando à disposição da Justiça e o menor responderá pelo ato infracional em liberdade.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

SEGURANÇA

Ponto de venda de droga é fechado e homem preso no bairro Dom Aquino

Publicado

por

Assessoria/PJC-MT

Trabalho investigativo da Polícia Civil, por meio da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE), desarticulou mais um ponto de venda de droga e prendeu uma pessoa em Cuiabá, na manhã desta sexta-feira (06.12).

A ação foi realizada para cumprimento de mandado de busca e apreensão domiciliar, e resultou na prisão em flagrante de Ronilson Graminho Pinto, 26, pelo crime de tráfico de drogas.

Na residência do suspeito, no bairro Dom Aquino, foram apreendidas porções de maconha, de ácido bórico, uma motocicleta, além de diversos apetrechos utilizados para preparar e comercializar entorpecentes.

O endereço de Ronilson foi identificado durante diligências rotineiras para mapear ponto de tráfico de entorpecentes. Com base nos indícios colhidos pela equipe da DRE, a Polícia Civil representou pelo mandado de busca e apreensão, decretado pela Justiça.

De posse da ordem judicial, os policiais civis foram até a residência investigada. No local, um morador que fazia uso de tornozeleira eletrônica tentou fugir. Contido, o mesmo assumiu os fatos e indicou o lugar onde a droga estava.

Leia mais:  Suspeito com várias passagens é preso com R$ 2,3 mil furtado de interior de veículo

Na casa foram apreendidas duas porções médias, sendo uma de pasta base de cocaína e outra de ácido bórico, além de outros objetos usados para a venda de drogas.

Ronilson Graminho Pinto foi encaminhado para DRE junto com os materiais apreendidos, interrogado e autuado por tráfico de drogas.

Ele foi apresentado para audiência de custódia ficando à disposição do Poder Judiciário.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Segurança

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana





Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262