conecte-se conosco


SEGURANÇA

Polícia Civil participa de ações para auxiliar crianças e famílias vulneráveis de Confresa

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Como tradição todos os anos, a Delegacia de Polícia Judiciária Civil do município de Confresa (1.160 km a nordeste de Cuiabá), realiza neste ano duas campanhas beneficentes de Natal para auxiliar ajudar famílias carentes e pessoas de vulnerabilidade social.

A primeira campanha “Natal Solidário” é promovida pela Polícia Civil da cidade, com o objetivo de arrecadar alimentos não perecíveis, roupas e calçados, que serão distribuídos para moradores com baixa renda, residentes no município.

Conforme a investigadora Amanda Guimarães, na recepção da Delegacia de Confresa foram disponibilizadas duas caixas para receber as doações, que posteriormente serão entregues para as famílias que necessitam de ajuda. O trabalho conta a solidariedade e colaboração da população.

“A ação para arrecadação de donativos iniciou no final de novembro e estaremos até o dia 20 de dezembro, recebendo os alimentos, roupas e calçados. As doações proporcionarão que o Natal de muitas famílias seja melhor”, destacou Amanda.

A Polícia Civil de Confresa também está dando apoio à campanha “Adote uma cartinha”, uma iniciativa de duas moradoras da cidade, Lígia Bernandes e Leidy Menezes, em parceria com a Cooperativa Sicredi.

Leia mais:  Polícia Civil cumpre novo mandado de prisão contra suspeito de crime sexual e ameaça

O projeto social recolheu cartas de crianças nas escolas municipais, que foram distribuídas pelo comércio e órgãos públicos da cidade. Os interessados em auxiliar podem ir a um dos locais, escolher a carta e presentear a criança escolhida. Os presentes devem ser levados até o lugar onde a cartinha foi recolhida até o dia 10 de dezembro.

Além da Delegacia de Polícia, as cartas das crianças estão nas sedes do Batalhão da Polícia Militar, na Cooperativa Sicredi e em outros estabelecimentos da cidade.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook

SEGURANÇA

Operação combate crimes de roubo, furto e tráfico de drogas em Arenápolis

Publicado

por

Assessoria | PJC-MT

Uma operação integrada com objetivo de combater a criminalidade, em especial ocorrências de roubos, furtos e tráfico de drogas, foi deflagrada pela Polícia Judiciária Civil e Polícia Militar no município de Arenápolis (258 km a Médio-Norte de Cuiabá).

A ação, realizada pelas equipes de policiais civis e militares de Arenápolis e Nortelândia, faz parte do cronograma da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) e contou com apoio do Grupo Armado de Resposta Rápida (Garra) da Delegacia Regional e Força Tática de Nova Mutum.

Durante os trabalhos foi realizada a prisão de L.D.O.S. apontado como autor de diversos furtos ocorridos durante a semana no município. Segundo as investigações, o suspeito já conhecido da Polícia foi visto pulando o muro de uma das residências furtadas.

Os furtos chamavam a atenção uma vez que o suspeito furtava apenas joias, e Luan, que saiu da cadeia há menos de um mês agia da mesma forma quando em liberdade.

Com informações do local onde o suspeito estaria escondido, as equipes das Polícias Civil e Militar foram até o endereço, ocasião em que o procurado empreendeu fuga, correndo e efetuando disparos de armas de fogo contra os policias.

Leia mais:  PJC adotou medidas legais em relação a boletim de ocorrência na Defaz

Durante a perseguição, os policiais encontraram o revólver calibre 38 dispensado pelo suspeito com 5 munições (2 deflagradas e 3 intactas). A prisão do suspeito foi realizada em uma casa, onde foi apreendido mais um revólver (calibre 32) e várias joias furtadas de uma residência na quinta-feira (05) e em outras ocasiões.

Na casa, também foram encontrados menores de idade que foram conduzidos à delegacia para serem ouvidos em declarações. Diante das evidências, após ser interrogado, Luan, foi autuado em flagrante pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo e munições, receptação e corrupção de menores.

Tráfico de drogas

Em outro alvo da operação, desta vez relacionado a investigações do comércio de entorpecentes no município, os policiais realizaram a prisão em flagrante da suspeita M.K.O.S. pelo crime de tráfico de drogas.

Em buscas na casa da investigada, foi apreendido em um dos quartos, uma porção de maconha, a qual a suspeita confessou ser de sua propriedade.

Em buscas em outro ponto de venda de entorpecentes, no bairro Vila Rica, as equipes policiais encontraram dois cartuchos calibre 20 e calibre 32 e diversas anotações referentes a controle de venda de drogas.

Leia mais:  Polícia Civil incinera mais de 300 quilos de entorpecentes em Sinop

O responsável pelo local, J.L.A.D. foi conduzido a Delegacia de Arenápolis, onde após interrogado foi autuado por tráfico de drogas.

 

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

SEGURANÇA

Polícia Civil prende suspeito e apreende veículo utilizado em roubo em Várzea Grande

Publicado

por

Assessoria | PJC-MT

Um integrante de uma organização criminosa envolvida em roubos de veículos em Cuiabá foi preso pela Polícia Judiciária Civil, na sexta-feira (06.12), durante trabalhos investigativos da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Veículos (DERRFVA).

O suspeito, A.F.R., de 42 anos, era responsável por uma caminhonete Chevrolet S-10, que dava apoio aos assaltos realizados pelo grupo e foi autuado em flagrante pelos crimes de roubo majorado e associação criminosa. Na ação, o veículo utilizado pelo grupo também foi apreendido.

A prisão do suspeito aconteceu durante investigações de um roubo, ocorrido na quinta-feira (05), em uma chácara da região do Capão Grande, em Várzea Grande ocasião em que a vítima foi abordada por quatro criminosos em posse arma de fogo, que subtraíram o seu veículo Ford Fiesta.

Assim que foi acionada do assalto, a equipe da DERRFVA iniciou as diligências, conseguindo identificar a participação do veículo S-10, assim como o envolvimento do suspeito no crime.

Com base no levantamento, os policiais realizaram a abordagem do identificado que a apreensão da caminhonete que dava apoio a ação do grupo criminoso. Após algumas checagens, foi possível constatar que o veículo realmente era o utilizado no roubo.

Leia mais:  Estado insere DNA de 1.500 condenados por crimes hediondos em banco nacional

A vítima compareceu à DERRFVA onde realizou o reconhecimento fotográfico e pessoal do suspeito como um dos autores do roubo. Interrogado, o conduzido confessou a participação no crime e também revelou que emprestava o veículo para a prática de outros assaltos praticados pelo grupo.

Diante das evidências, o suspeito foi autuado em flagrante pelos crimes de roubo majorado e associação criminosa. As investigações seguem em andamento para identificar e prende os outros integrantes do grupo.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Segurança

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana





Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262