conecte-se conosco


CIDADES

Secretaria de Saúde inicia campanha ‘Janeiro Roxo’ contra a hanseníase

Publicado


14/01/2020    19

A Secretaria de Saúde de Várzea Grande inicia 2020 com a campanha “Janeiro Roxo” de combate e prevenção à Hanseníase. Ao todo, estão sendo ofertadas gratuitamente “Rodas de Conversa” sobre a doença em 21 unidades de saúde primárias, escolas, além da realização de visitas domiciliares nas áreas de abrangência dos bairros que possuem o Programa Saúde da Família (PSFs). As ações seguem até o final do mês de janeiro quando no dia 26, último domingo do mês, é comemorado o Dia Mundial de Luta contra a Hanseníase.

Segundo dados da Secretaria de Saúde de Várzea Grande, atualmente 219 pessoas são paciente e realizam o tratamento contra a doença no município. “Além de alertar para a importância do diagnóstico precoce, tratamento oportuno e ações de controle da doença a campanha ‘Janeiro Roxo’ também tem o objetivo de examinar os membros da família dos nossos pacientes, principalmente os que tiveram contato com a pessoa diagnosticada com a hanseníase e podem ter sido infectados. Por isso, estaremos realizando buscas e visitas domiciliares em diversos bairros, a partir do cadastro de pacientes que possuímos”, detalha a enfermeira responsável pelo Programa de Hanseníase, Tuberculose e Presídios no município, Neide da Silva.

Leia mais:  Orçamento da Capital teve aumento de 45,60% na receita bruta

Ainda segundo Neide da Silva, todas as equipes das unidades de saúde primária estão treinadas para diagnosticar e orientar sobre a doença. “Disponibilizamos a sociedade um ambulatório especializado no diagnóstico e tratamento da hanseníase em Várzea Grande. Além dos exames clínicos em pacientes com lesões cutâneas visíveis ou áreas com alterações de sensibilidade, é realizado o exame de baciloscopia, que é a coleta de material pela orelha e cotovelo. O tratamento da doença também é gratuito e pode ser realizado em 6 ou 12 meses, conforme o diagnóstico, podendo inclusive ser prorrogado”, explica a enfermeira.

A campanha ‘Janeiro Roxo’, foi lançada em Várzea Grande dia 10 de janeiro, no Centro de Especialidades em Saúde (CES) com a “Roda de Conversa: A importância da adesão ao tratamento e avaliação dos contatos”. Participaram ao menos 50 pacientes em tratamento da hanseníase e trabalhadores da Saúde, a palestra foi ministrada pela médica Liami Borges.

O combate ao estigma e à discriminação também faz parte das ações da campanha “Janeiro Roxo”. “O mais importante da campanha é lembrar que essa enfermidade, possui tratamento eficaz e pode ser curada. É essencial a conscientização da população e também dos profissionais de saúde. Muitos mitos e preconceitos sobre a hanseníase ainda confundem as pessoas, o que prejudica tanto a prevenção quanto o tratamento. Conhecer a doença é fundamental para que o tratamento seja realizado da forma adequada”, informa a enfermeira.

Leia mais:  Alunos da UFMT são apresentados a sistema semafórico inteligente

Neide da Silva também alerta que quanto antes a pessoa iniciar o tratamento, menores são as chances de surgirem incapacidades físicas, além de favorecer a interrupção da cadeia de transmissão.

“Chamamos a atenção para as pessoas que tiveram contato com pacientes diagnosticados com a doença, como familiares, amigos e colegas de trabalho também sejam examinados”.

O que é hanseníase – É uma doença infecciosa e contagiosa, que causa manchas esbranquiçadas ou avermelhadas na pele. A pele também pode ter alteração da sensibilidade e o paciente não sente (ou tem sensibilidade diminuída) calor, frio, dor e mesmo o toque. É comum ter sensação de formigamento, fisgadas ou dormência nas extremidades (pés, mãos) e em algumas áreas pode haver diminuição do suor e de pelos.

A hanseníase não é hereditária. É causada pelo bacilo Mycobacterium leprae e sua transmissão acontece de pessoas doentes sem tratamento para pessoas saudáveis, pelas vias aéreas superiores (tosse, espirro, fala).

Por: Rafaela Maximiano – Secom/VG

Comentários Facebook

CIDADES

Lucimar confirma calendário salarial e injeta mais de R$ 30 milhões na economia

Publicado


28/01/2020    128

Reafirmando o compromisso assumido em 2015 com o funcionalismo público, quando se tornou prefeita de Várzea Grande, Lucimar Sacre de Campos, após reunião de avaliação da situação econômica do Tesouro Municipal com a equipe econômica, confirmou o pagamento dos salários para essa quinta-feira, 30, do mês de janeiro.

“O calendário salarial é prioritário para nossa gestão. Os servidores públicos, cada um com sua profissão, seja médico, professor, engenheiro, guarda municipal, merendeira, agente administrativo, fiscal de tributos são aqueles que asseguram o atendimento a população que é o patrão de todos nós e que espera serviços públicos de qualidade e eficiente”, sinalizou Lucimar garantindo que enquanto prefeita da segunda maior cidade de Mato Grosso, salários não serão atrasados e serão pagos no mês trabalhado e se possível até mesmo antecipados.

Várzea Grande estará quitando nesta quinta-feira, dia 30, a primeira folha salarial de 2020, aos seus mais de 7 mil servidores da administração direta e indireta. A 56ª folha paga pela atual gestão vai injetar pouco mais de R$ 30 milhões na economia local e mantém a tradição dos últimos cinco anos de ser quitada antes da virada do mês.

Além da Prefeitura de Várzea Grande também quitam os salários dos servidores públicos municipais a Previdência de Várzea Grande – PREVIVAG e o Departamento de Água e Esgoto – DAE/VG.

Leia mais:  Alunos da UFMT são apresentados a sistema semafórico inteligente

Mais do que em qualquer outro do mês do ano, como frisa a prefeita Lucimar Sacre de Campos, o mês de janeiro é complicado e parece ser o mais longo de todos. “É um período que sucede as festas de final de ano quando as despesas aumentam, as pessoas viajam, recebem visitas, os filhos estão de férias e os compromissos de início de ano surgem como impostos, matrículas e lista de materiais escolares. Sabemos como isso pesa no orçamento. Poder contar com o salário em dia é uma segurança para o planejamento de qualquer família. No comércio, o dinheiro novo começa a circular e a movimentar a nossa economia. Mais que uma obrigação com nosso servidor, pagar em dia é uma via de mão dupla para o desenvolvimento da nossa cidade”.

Com a quitação dessa primeira folha salarial de 2020, a prefeita segue a risca o calendário de pagamento dos servidores públicos, anunciado no início desse mês. O novo cronograma estabelece todas as datas e – de janeiro a dezembro, incluindo o abono do 13º salário – mantém a determinação do Executivo em pagar salários antes da virada do mês. “Entramos no nosso último ano de gestão mantendo nossa política de trabalho que não abre mão de manter esse compromisso com o servidor e um planejamento de investimentos que nos permita manter a máquina pública em plena atividade com obras e serviços de toda natureza para atender cada vez mais as demandas da população e as necessidades da cidade”, defendeu a prefeitura Lucimar.

Leia mais:  Monumento de Dias-Pino na Praça 8 de Abril será tombado como Patrimônio Oficial de Cuiabá

Este é o segundo ano consecutivo em que a administração municipal define antecipadamente um calendário de pagamento dos salários. “Tivemos um resultado exitoso com essa experiência no ano passado e vamos seguir pagando nosso servidor dentro do mês trabalhado. Fazemos isso sem engessar a saúde financeira e os investimentos previstos para a cidade”, destacou a secretária de Gestão Fazendária, Lucinéia dos Santos Ribeiro.

Assim como ocorreu por mais de uma vez no ano passado, o pagamento chegou a ser antecipado, ficando disponível antes mesmo da data prevista no calendário.

Considerando o valor médio da folha de pagamento, em cerca de R$ 30,8 milhões ao mês, somente com o pagamento do funcionalismo, o poder público municipal injeta mais de R$ 400 milhões ao ano na economia local. Levando em conta os cinco anos da atual gestão e apenas as 13 folhas mensais, foram cerca de R$ 2 bilhões em salários circulando na economia de Várzea Grande de maio de 2015 a dezembro de 2019.

Por: Marianna Peres – Secom/VG

Comentários Facebook
Continue lendo

CIDADES

Escola Cívico Militar Profª Maria Dimpina Lobo Duarte conta com 82 vagas remanescentes

Publicado


A Secretaria Municipal de Educação abrirá nesta quarta-feira (29), das 8h às 23h59, o portal Matrícula Web para os pais ou responsáveis interessados em matricular seus filhos na Escola Cívico Militar Profª Maria Dimpina Lobo Duarte. No total, serão oferecidas 82 vagas para os 6º, 7º, 8º e 9º Anos, nos períodos matutino e vespertino.

“São vagas remanescentes, resultantes da não efetivação das matrículas que foram feitas entre os dias 13 e 14 de janeiro, para Escola Cívico Militar Profª Maria Dimpina Lobo Duarte, por meio do portal Matrícula WEB. Portanto, os pais ou responsáveis devem estar atentos ao número de vagas que ainda estão em aberto nessa escola”, ressaltou a secretária-adjunta de Educação, Edilene Machado.

De acordo com as informações da Comissão Permanente de Organização da Demanda Escolar (CPODE), existem na escola 31 vagas remanescentes para o 6º Ano do período vespertino; 8vagas para o 7º Ano do período vespertino; 23 vagas para o 8º Ano do período matutino; 11 vagas para o 8º Ano do período vespertino e 9 vagas para o 9º Ano do período matutino.

Leia mais:  Monumento de Dias-Pino na Praça 8 de Abril será tombado como Patrimônio Oficial de Cuiabá

Segundo a secretária Edilene Machado, muitos pais solicitaram à Secretaria de Educação e foi aberta uma turma a do 6º Ano, vespertino, para atender essa demanda.

A orientação da Secretaria de Educação para os pais ou responsáveis é para que tenham toda a atenção ao preencher o formulário de informações inclusive no que diz respeito ao Ano solicitado.

Após fazer a matrícula o pai ou responsável deve efetivar a mesma levando na unidade educacional, seus documentos pessoais e dos estudantes, na quinta-feira (30).

A Secretaria de Educação informa que à medida que as vagas forem sendo preenchidas, as informações sobre elas saem automaticamente do portal.

SERVIÇO

MATRÍCULA WEB – EMEB Escola Cívico Militar Profª Maria Dimpina Lobo Duarte

Data: quarta-feira (29)

Horário: 8h às 23h59

Local: Portal Matricula WEB (matrícula somente via on line)

Vagas remanescentes:

6º Ano – vespertino – 31 vagas

7º Ano – vespertino – 8 vagas

8º Ano – matutino – 23 vagas

8º Ano – vespertino – 11 vagas

Leia mais:  Controladoria Geral de Cuiabá passa a atender em novo endereço

9º Ano – matutino – 9 vagas

Total de vagas remanescentes disponíveis – 82 vagas

Comentários Facebook
Continue lendo

Segurança

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana





Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262