conecte-se conosco


TCE MT

TCE determina que Sorriso devolva ambulâncias do Samu ao Governo Estadual

Publicado

Assunto:
CONTAS ANUAIS DE GESTAO MUNICIPAL
Interessado Principal:
PREFEITURA MUNICIPAL DE SORRISO
JOÃO BATISTA CAMARGO
CONSELHEIRO SUBSTITUTO

DETALHES DO PROCESSO
INTEIRO TEOR
VOTO DO RELATOR
ASSISTA AO JULGAMENTO

O Tribunal de Contas de Mato Grosso julgou regulares as contas anuais de gestão da Prefeitura de Sorriso, referentes ao exercício de 2017, sob a responsabilidade do prefeito Ari Genézio Lafin. O processo n° 27.656-1/2018, relatado pelo conselheiro interino João Batista de Camargo Júnior, foi apreciado na sessão plenária do dia 10/9. O TCE determinou ao atual prefeito que restitua ao Governo do Estado de Mato Grosso as ambulâncias que são de propriedade do Poder Executivo Estadual.

A equipe de auditoria identificou a existência de duas ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, o SAMU, que estão abandonadas no setor de transportes. Os conselheiros, acompanhando voto do relator, aprovaram a determinação para que os veículos sejam devolvidos ao Estado.

Ainda foi identificada a ausência de informações no sistema de controle de frotas tornando o sistema uma ferramenta ineficaz, pois não possui os dados suficientes para emissão de relatórios gerenciais. A defesa discordou do apontamento, alegando que a administração implantou o Sistema Informatizado de Frotas. Nesse sentido, a Prefeitura apresentou defesa demonstrando medidas que vem sendo tomadas no sentido de corrigir a falha.

Leia mais:  Contas de Governo de Nossa Senhora do Livramento recebem parecer prévio favorável à aprovação

A defesa também sustentou que o exercício de 2017 foi um ano extremamente complicado para a Administração devido à crise nos Governos Estadual e Federal, a qual refletiu diretamente nos procedimentos administrativos municipais, que sofreram por terem de assumir inúmeras obrigações que, em tese, seriam arcadas com recursos de outros entes.

Comentários Facebook

TCE MT

Em comemoração ao Dia do Ouvidor, TCE-MT realiza evento para estimular controle social e transparência

Publicado


Em comemoração ao Dia do Ouvidor, o Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT) realiza, no dia 16 de março, o “Ouvidoria Day”. O evento, que tem por objetivo estimular o controle social e a transparência pública, será promovido simultaneamente em todas as Cortes de Contas do país.

A proposta é discutir e refletir sobre o papel das Ouvidorias nas instituições públicas, bem como fomentar a implementação nos jurisdicionados, destacando sua importância como instrumento de controle social e sua contribuição para o fortalecimento da democracia, por meio da participação social.

O “Ouvidoria Day” é voltado aos ouvidores jurisdicionados do TCE-MT e as inscrições podem ser feitas até 13 de março (clique aqui). O evento é gratuito e será realizado no auditório da Escola Superior de Contas.

Fonte: TCE MT

Comentários Facebook
Leia mais:  TCE-MT emite parecer prévio favorável às Contas de Governo das Prefeituras de Ribeirão Cascalheira e Confresa
Continue lendo

TCE MT

TCE e Uniselva realizam 1° workshop de Diagnóstico e Planejamento

Publicado


Representando o TCE-MT, o consultor jurídico-geral Grhegory Paiva Pires Moreira Maia ministrou palestra durante o primeiro workshop de Diagnóstico e Planejamento do projeto “Excelência no assessoramento jurídico de conselheiros em órgãos de controle”, realizado nesta quinta-feira (20) na Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). O workshop é fruto de uma parceria firmada entre a Corte de Contas e a Fundação de Apoio e Desenvolvimento da UFMT (Uniselva).

De acordo com o consultor jurídico-geral, toda a parte administrativa do TCE será qualificada segundo as diretrizes do convênio com a Uniselva, buscando assim a excelência, prestigiando o controle externo e o controle interno.
A professora do Instituto de Biociências e coordenadora administrativa do convênio, Débora Pedrolle, explicou ainda que a excelência no assessoramento jurídico de conselheiros nos órgãos de controle envolvem a academia, servidores do TCE e Ministério Público de Contas, estagiários e professores. “Todos imbuídos em aprimorar o controle externo”, disse.

Já o secretário de Tecnologia Educacional e coordenador acadêmico do convênio com o TCE, Alexandre dos Anjos, pontuou que nessa primeira fase é preciso conhecer os processos jurídicos e promover estudos e pesquisas. “Desenvolvendo, assim, a melhoria dos processos por meio de educação mediada por tecnologia”.

Leia mais:  TCE-MT emite parecer prévio contrário à aprovação das Contas de Governo de Denise
Fonte: TCE MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Segurança

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana





Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262