conecte-se conosco


TCE MT

Universitários de Ciências Contábeis do Univag visitam o TCE

Publicado

 TCESTUDANTIL
 Acadêmicos do 6º ao 8º semestres do curso de Ciências Contábeis do Centro Universitário de Várzea Grande (Univag)

O Programa TCEstudantil recebeu nesta terça-feira (10.09) um grupo de acadêmicos do 6º ao 8º semestres do curso de Ciências Contábeis do Centro Universitário de Várzea Grande (Univag). Os estudantes visitaram o Tribunal de Contas de Mato Grosso onde participaram de palestra, roda de bate papo com o auditor público externo Francisney Liberato e acompanharam parte da sessão de julgamentos do Pleno da Corte de Contas.

RICARDO FREITAS
ESTUDANTE DO 6º SEMESTRE

Eu aprendi muito durante as palestras e durante a sessão do Pleno. Foi interessante ver como as contas públicas são analisadas, auditadas e julgadas pelo Tribunal. Foi um complemento importante das aulas que tivemos sobre contabilidade pública. Fiquei contente também em descobrir que, como cidadão, posso atuar diretamente como um fiscal dos recursos públicos ao acompanhar as políticas e obras públicas”

Para o estudante do 6º semestre, Ricardo Freitas, a participação no TCEstudantil é uma experiência que contribui de forma ampla com a formação dos futuros contadores. “Eu aprendi muito durante as palestras e durante a sessão do Pleno. Foi interessante ver como as contas públicas são analisadas, auditadas e julgadas pelo Tribunal. Foi um complemento importante das aulas que tivemos sobre contabilidade pública. Fiquei contente também em descobrir que, como cidadão, posso atuar diretamente como um fiscal dos recursos públicos ao acompanhar as políticas e obras públicas”, destacou o universitário.

Segundo a aluna Raíssa Cristina da Silva Gonçalves, também do 6º semestre, participar do TCEstudantil foi uma oportunidade de ampliar seus conhecimentos sobre a instituição TCE-MT e sobre como funciona o controle externo na contabilidade e nas políticas públicas do Estado e Municípios. “Eu não conhecia o TCE ainda. Sabia apenas que era um tribunal de caráter administrativo. Mas não tinha ideia de como funcionava. Foi muito estimulante ver que é possível a qualquer cidadão, fiscalizar, acompanhar e denunciar irregularidades dos gestores públicos. Também aprendi que há um campo bastante interessante de trabalho para nossa futura profissão no âmbito dos poderes públicos, inclusive no próprio Tribunal de Contas”, concluiu a universitária.

RAÍSSA CRISTINA DA SILVA
ESTUDANTE DO 6º SEMESTRE

 Eu não conhecia o TCE ainda. Sabia apenas que era um tribunal de caráter administrativo. Mas não tinha ideia de como funcionava. Foi muito estimulante ver que é possível a qualquer cidadão, fiscalizar, acompanhar e denunciar irregularidades dos gestores públicos. Também aprendi que há um campo bastante interessante de trabalho para nossa futura profissão

Segundo o professor Maurício Gomes dos Santos, que coordenou o grupo de estudantes durante a a visita, o TCEstudantil permite a complementação da formação acadêmica com uma verdadeira aula prática de conteúdos que eles veem na academia. Ele salientou a importância do programa, que funciona em parceria com as instituições de ensino. “As visitas acadêmicas ao TCE-MT enriquecem muito o conhecimento dos nossos alunos sobre processos de controle contábil, auditorias e fiscalizações sobre recursos públicos”, disse o professor.

O Programa TCEstudantil é desenvolvido desde 2001 pelo TCE-MT por meio da Secretaria de Articulação Institucional (SAI). Neste período, o TCEstudantil tem auxiliando na formação de consciência cidadã entre os estudantes universitários e das escolas de ensino fundamental e médio estimulando-os ao exercício do controle social sobre os resultados das contas públicas.

Tribunal em Contas: Uma Lição de Cidadania
6ª Edição

Esta história em quadrinhos foi desenvolvida com o objetivo de estimular nos estudantes a vivência de valores fundamentais para o exercício da cidadania e do controle social. Além disso, a obra esclarece de forma didática o funcionamento do Tribunal de Contas.

ACESSE A VERSÃO DIGITAL

Comentários Facebook
Leia mais:  TCE-MT emite parecer prévio contrário à aprovação das Contas de Governo de Denise

TCE MT

Em comemoração ao Dia do Ouvidor, TCE-MT realiza evento para estimular controle social e transparência

Publicado


Em comemoração ao Dia do Ouvidor, o Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT) realiza, no dia 16 de março, o “Ouvidoria Day”. O evento, que tem por objetivo estimular o controle social e a transparência pública, será promovido simultaneamente em todas as Cortes de Contas do país.

A proposta é discutir e refletir sobre o papel das Ouvidorias nas instituições públicas, bem como fomentar a implementação nos jurisdicionados, destacando sua importância como instrumento de controle social e sua contribuição para o fortalecimento da democracia, por meio da participação social.

O “Ouvidoria Day” é voltado aos ouvidores jurisdicionados do TCE-MT e as inscrições podem ser feitas até 13 de março (clique aqui). O evento é gratuito e será realizado no auditório da Escola Superior de Contas.

Fonte: TCE MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Prefeituras devem se abster de pagar "encargo administrativo" à Oscip
Continue lendo

TCE MT

TCE e Uniselva realizam 1° workshop de Diagnóstico e Planejamento

Publicado


Representando o TCE-MT, o consultor jurídico-geral Grhegory Paiva Pires Moreira Maia ministrou palestra durante o primeiro workshop de Diagnóstico e Planejamento do projeto “Excelência no assessoramento jurídico de conselheiros em órgãos de controle”, realizado nesta quinta-feira (20) na Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). O workshop é fruto de uma parceria firmada entre a Corte de Contas e a Fundação de Apoio e Desenvolvimento da UFMT (Uniselva).

De acordo com o consultor jurídico-geral, toda a parte administrativa do TCE será qualificada segundo as diretrizes do convênio com a Uniselva, buscando assim a excelência, prestigiando o controle externo e o controle interno.
A professora do Instituto de Biociências e coordenadora administrativa do convênio, Débora Pedrolle, explicou ainda que a excelência no assessoramento jurídico de conselheiros nos órgãos de controle envolvem a academia, servidores do TCE e Ministério Público de Contas, estagiários e professores. “Todos imbuídos em aprimorar o controle externo”, disse.

Já o secretário de Tecnologia Educacional e coordenador acadêmico do convênio com o TCE, Alexandre dos Anjos, pontuou que nessa primeira fase é preciso conhecer os processos jurídicos e promover estudos e pesquisas. “Desenvolvendo, assim, a melhoria dos processos por meio de educação mediada por tecnologia”.

Leia mais:  Moises Maciel orienta gestor de Rosário Oeste a reduzir despesas com pessoal
Fonte: TCE MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Segurança

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana





Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262