conecte-se conosco


Cuiabá

Vereadora pede a lista dos vacinados em Cuiabá e critica quem fura fila prioritária

Publicado


Assessoria

Na manhã desta quinta (21), ela protocolou ofício onde apresenta denúncias sobre profissionais de saúde e de limpeza que atuam em unidades de terapia intensiva (UTI), com alto risco de contaminação, e não foram vacinados, enquanto houve o direcionamento de doses para funcionários administrativos.

Na terça (19), Cuiabá recebeu pouco mais de 8 mil doses da vacina Coronavac e espera receber igual número em até duas semanas, totalizando 16 mil doses, o suficiente para vacinar apenas 8 mil pessoas.

No documento, ela cita funcionários do setor administrativo de unidades de saúde que “estariam sendo priorizados em detrimento da equipe de médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e agentes de limpeza das unidades com altíssimo risco de contaminação”, critica o “fura-fila” e pede transparência. A vereadora tem cobrado do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) e do governador Mauro Mendes (DEM) a compra direta das vacinas junto aos laboratórios.

Live

Nesta quinta, às 19 horas, a parlamentar fará uma transmissão ao vivo em sua página do Facebook com a presença da coordenadora de Vigilância Epidemiológica, Valéria de Oliveira, e dos médicos Cor Jesus Fernandes e Francisco Souto, que participam do ensaio clínico coordenado pelo Instituto Butantan para testar a eficácia da vacina Coronavac.

“Não dá para ficar esperando pelo Governo Bolsonaro que, desde o princípio, fez zombaria com a Covid e encontrou mil formas de hostilizar parceiros internacionais. A consequência é o Brasil ficar na lanterninha da fila para vacinação podendo inclusive não conseguir vacinar sua população ainda este ano. Não dá para lavar as mãos e atribuir exclusivamente a responsabilidade a quem não assume a responsabilidade, que é o Governo Federal”.

Leia mais:  Secretaria de Obras realiza melhoria no sistema de drenagem da principal via do Parque Geórgia

A vereadora deve participar de uma carreata de mobilização pelo impeachment de Bolsonaro, que acontece no próximo sábado (23), às 9 horas, saindo da UFMT. Segundo ela, as dificuldades enfrentadas pelo governo brasileiro para adquirir a vacina são consequência da política de relações internacionais “desastrosa”.

“Há a grande preocupação em saber que o Brasil está tendo muitos problemas para adquirir a vacina, resultado, inclusive, da sua desastrosa política de relações internacionais, uma diplomacia que não consegue estabelecer as relações com o mercado internacional, com os outros países. E essa consequência chega até nós aqui em Cuiabá”.&nbsp Ela vai lançar também a campanha “Vacinação para tod@s”, com o objetivo de pressionar o executivo.

Parecer

A parlamentar encaminhará à secretária um parecer elaborado pelo grupo de trabalho Saúde/Vacina já, que compõe seu mandato, com quem ela se reuniu na noite desta quarta (20).

Na avaliação do grupo (formado por militantes, docentes e profissionais da saúde), o plano é meramente técnico, muito genérico, falta detalhamento sobre os grupos prioritários e mecanismos de transparência na disponibilização de dados sobre os pacientes vacinados, o que facilitaria o controle social.

Leia mais:  Nota de Pesar

Também falta a posição política da prefeitura sobre os problemas que cercam a imunização. “É tecnicamente muito alinhado com o que o Ministério da Saúde apresentou no plano nacional. Parece que está tudo certo, a vacina vai chegar sem nenhum problema”, opinou uma das integrantes do GT, a assistente social Márcia Campos.

Dados

Segundo dados da Secretaria Municipal de Saúde, em Cuiabá o grupo prioritário para vacinação totaliza 125 mil pessoas, entre elas 21,4 mil profissionais de saúde 8,4 mil idosos acima de 80 anos 7,8 mil idosos entre 75 e 79 anos 13 mil entre 70 e 74 anos 19 mil entre 65 e 69 anos e 27 mil entre 60 e 64 anos.

Também fazem parte do grupo prioritário indígenas aldeados, comunidades tradicionais, pacientes com comorbidades e transplantados, trabalhadores da educação, pessoas com deficiência, trabalhadores de unidades prisionais e pessoas privadas de liberdade e trabalhadores do transporte coletivo.

Neusa Baptista – Vereadora Edna Sampaio&nbsp

Comentários Facebook

Cuiabá

Em 30 dias, Gabinete Itinerante do vereador Sargento Vidal já atendeu 550 pets

Publicado


Carol Siqueira | Secom Câmara Municipal de Cuiabá

O Gabinete Itinerante do vereador Sargento Vidal (Pros) já atendeu, em apenas 30 dias, mais de 50 pets individuais no consultório e cerca de 500 animais nas ONGs de Cuiabá. Os serviços foram efetuados de forma gratuita.

A equipe do gabinete itinerante é composta por um motorista, uma médica veterinária e uma protetora animal independente. Todas as ONGs de Cuiabá receberam pelo menos uma visita em apenas 30 dias de trabalho.

Os atendimentos feitos pela equipe são de consultas e avaliações de pets que são recebidos pelas ONGs, bem como retirada de material para exames caso necessário.

“Trinta dias de Gabinete Itinerante, vários pets atendidos no consultório e todas as ONGs também receberam pelo menos uma visita da equipe da Dra Andrea Janaina, logo ampliaremos os atendimentos que será de segunda a quinta pela manhã com a criação da Secretaria-Adjunta da Causa Animal, vai ficar chique! “, disse o vereador.

Leia mais:  Emanuel anuncia novo decreto com toque de recolher e veta funcionamento de casas de shows e boates; Confira medidas

Luana Valentim | Assessoria de Imprensa Vereador Sargento Vidal

Fotos Relacionadas

Comentários Facebook
Continue lendo

Cuiabá

Vacinação dos idosos acima de 80 anos começa na quinta-feira (04)

Publicado


Davi Valle

Clique para ampliar

Idosos na faixa de 80 a 84 anos de idade que vivem em Cuiabá cmeçarão a receber a primeira dose da vacina contra a covid-19 no polo que funciona no Centro de Eventos do Pantanal, a partir de quinta-feira (4), mediante agendamento, que será liberado na quarta-feira (3), através do site “Vacina Cuiabá”. 

Novo horário de funcionamento

A coordenadora de Vigilância Epidemiológica e da campanha “Vacina Cuiabá – sua vida em primeiro lugar”, Valéria de Oliveira, informa que há duas novidades: a primeira é em relação aos dias e horários da campanha. “Nesta fase da campanha estaremos com o polo de vacinação aberto de segunda a sábado, das 8h às 18h, sempre com agendamento”, revelou. 

Comprovante de residência

A outra novidade é que será exigido dos usuários a apresentação de comprovante de residência para obter a vacinação. Valéria explica que, no momento do agendamento, no site www.vacina.cuiaba.mt.gov.br, a pessoa deverá informar o CEP e o endereço completo e, no Centro de Eventos do Pantanal, deverá apresentar um comprovante de endereço de Cuiabá em nome próprio ou de algum familiar cujo parentesco seja comprovado através de documento pessoal. A medida é necessária para controlar o estoque de doses da vacina contra a covid-19, que é enviada pelo Ministério da Saúde conforme a população de cada município. 

Leia mais:  Primeira-dama busca reforço do setor empresarial para iniciativas de geração de renda

O agendamento para o público de idosos entre 80 e 84 anos estará disponível na quarta-feira (3). 

CONFIRA O PASSO A PASSO DO AGENDAMENTO DA VACINAÇÃO DOS IDOSOS:

-Entre no site www.cuiaba.mt.gov.br e clique no banner do “Vacina Cuiabá”;

-Clique em PRÉ CADASTRO;

-Clique em ACEITAR E CONTINUAR;

-No campo TIPO DE DOSE escolha PRIMEIRA DOSE e clique em PRÓXIMO PASSO;

-No campo GRUPO DE RISCO escolher IDOSOS (ACIMA DE 80 ANOS) e clique em PRÓXIMO PASSO;

-Preencha todos os dados que estão marcados com * (no campo INFORME SUA PROFISSÃO, pode escrever a profissão que desempenhava ou escrever aposentado/aposentada);

-Clique em enviar cadastro;

-No campo AGENDAR SUA TRIAGEM  selecione a data e o horário e clique em SOLICITAR AGENDA;

-Os idosos não precisam imprimir o QR CODE. Ao se dirigirem ao Centro de Eventos devem levar documento com foto, número do cartão SUS e comprovante de residência.

IMPORTANTE: Em caso de erro durante o agendamento, a pessoa deve mandar um email para o endereço cadastrocba.covid@gmail.com pedindo o cancelamento do agendamento. Após receber o e-mail com a confirmação do cancelamento, a pessoa poderá fazer um novo agendamento.

Leia mais:  Emanuel anuncia novo decreto com toque de recolher e veta funcionamento de casas de shows e boates; Confira medidas

OBSERVAÇÃO: No ato de agendamento, caso não apareça a data e o horário na tela AGENDAR SUA TRIAGEM é porque a agenda do dia já está lotada. Neste caso é necessário fazer o agendamento no dia seguinte.

SÓ PESSOAS A PARTIR DE 80 ANOS SERÃO VACINADAS. AGENDAMENTOS DE PESSOAS COM MENOS DE 80 ANOS OU DE PESSOAS QUE NÃO INFORMARAM A IDADE SERÃO CANCELADAS.

Comentários Facebook
Continue lendo

Segurança

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana





Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262