conecte-se conosco


MT

Claudinei questiona a falta de convocação de aprovados do concurso da Seduc

Publicado


Deputado com representantes dos aprovados do concurso da Seduc

Foto: JLSIQUEIRA / ALMT

Delegado Claudinei apresenta requerimento ao governo de Mato Grosso

Foto: SAMANTHA DOS ANJOS / Assessoria de Gabinete

O deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) apresentou Requerimento (n° 552/2021)  à Secretaria de Estado de Educação de Mato Grosso (Seduc), durante sessão plenária na Assembleia Legislativa, na quarta-feira (13), para que a Seduc esclareça o motivo de não realizar a convocação dos aprovados no último concurso público realizado pela pasta, em 2017, sendo que há aproximadamente 12 mil cargos ocupados por profissionais com contratos temporários. 

Uma das indagações feitas pelo parlamentar à gestão estadual quanto ao concurso que foi homologado por mais dois anos, com validade até fevereiro de 2022, é saber quantas vagas foram oferecidas no edital do concurso e se foram efetivamente preenchidas. Ele também requereu informações sobre quantos candidatos aprovados foram convocados e não tomaram posse até a presente data e se procede informação de que há inúmeros cargos preenchidos por meio de contratações temporárias.

Leia mais:  Politec adquire scanner corporal digital para localização de projéteis e outras lesões em vítimas

“Essa proposição tem por fundamento indagar à gestão estadual sobre a não convocação dos aprovados no último concurso para preencher os cargos vagos que, atualmente, são preenchidos por contratos temporários. Segundo informações que chegaram ao meu gabinete, há inúmeros casos de pessoas aprovadas no concurso e, portanto, aguardam as nomeações, que exercem o mesmo cargo, porém, a título temporário”, esclarece Claudinei.

Lotacionograma – Ele também questiona à Seduc a não convocação de aprovados ao cargo de apoio administrativo educacional profissionalizado, já que a Secretaria informa no lotacionograma que há 1.723 pessoas que exercem essa função por meio de contratação temporária. 

Rozangela Arcioli, que espera ser nomeada ao cargo de pedagoga, conta que se reuniu com o deputado na última terça-feira (5), para expor as angústias e aflições que os aprovados no concurso público enfrentam nesse período. “A avaliação de todos nós, é positiva. Nós estamos felizes de ele ter escutado os nossos anseios e tudo o que estamos passando e por estar fazendo essa articulação e intervenção. O deputado vem abraçando a causa dos concursados que aguardam as nomeações”, disse.

Leia mais:  Em mensagem a investidores e ambientalistas, governador afirma: MT é o lugar do planeta que mais produz alimento e respeita o Meio Ambiente

“Ele conhece de perto a nossa realidade, sentiu na pele, pois aguardou dois anos para ser nomeado e sabe o que estamos sentindo com a falta da convocação. No nosso caso, estão ocorrendo contratações temporárias nas nossas vagas. Isso é a prova que as vagas existem e queremos saber o motivo da não nomeação”, completa Arcioli.

O deputado também solicitou no Requerimento, explicações sobre a convocação recente de somente 174 professores, quando o próprio lotacionograma elenca a um total de 7.142 cargos vagos. 

(65) 99639 9715

Fonte: ALMT

Comentários Facebook

MT

Ouvidoria Geral de Polícia atende demandas dos delegados de Vila Rica e Comando Regional da PM

Publicado


O Comandante Adjunto do 10º Comando Regional da Polícia Militar de Mato Grosso e o titular da Delegacia de Polícia de Vila Rica receberam o Ouvidor Geral de Polícia de Mato Grosso, Lúcio Andrade, nesta terça-feira (26.10). O ouvidor esteve na região para acompanhar os trabalhos realizados no Centro Estadual de Direitos Humanos para solucionar questões agrárias.

Na visita ao 10º CR da PM, o Tenente Coronel Roosevelth Escolástico enfatizou que os conflitos por disputas de terra tiveram uma redução grande em relação a anos anteriores, especialmente pelo amadurecimento dos órgãos públicos na região.

“Apesar disso, vejo que as políticas de governança sobre o tema não podem afrouxar, sob risco de voltarem as tensões nos conflitos de terras”, afirmou o comandante.

A violência contra a mulher também uma preocupação. “Precisamos atuar em trabalho conjunto para minizar a violência na região“,afirmou o Ouvidor Geral de Polícia, Lúcio Andrade.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Em mensagem a investidores e ambientalistas, governador afirma: MT é o lugar do planeta que mais produz alimento e respeita o Meio Ambiente
Continue lendo

MT

Em mensagem a investidores e ambientalistas, governador afirma: MT é o lugar do planeta que mais produz alimento e respeita o Meio Ambiente

Publicado


Em mensagem a investidores e ambientalistas, o governador Mauro Mendes afirmou que “Mato Grosso é um Estado com grande ativos ambientais e que tem uma agricultura que poucos lugares do planeta têm. Não tenho dúvida nenhuma em afirmar que somos a região do planeta que mais produz alimento e respeita o meio ambiente”, comprovando que é possível manter a floresta e as matas em pé e dobrar a sua produção de alimentos.

A afirmação foi dada, nesta quinta-feira (28), durante conferência na Câmara de Comércio da Dinamarca, sobre a “Contribuição brasileira para o desafio do abastecimento alimentar sustentável”.

De acordo com o governador, que estava acompanhado da primeira-dama Virginia Mendes, as ações desenvolvidas no Estado e os investimentos do governo, em mais de R$ 73 milhões somente em 2021, estão garantindo a redução no desmatamento ilegal, que no último ano caiu 20%, e os focos de calor, que diminuíram 54%.

Para os investidores, o governador ponderou que o Estado tem tolerância zero contra o desmatamento ilegal. “Mato Grosso investiu em tecnologia com a contratação de um sistema de monitoramento em tempo real, 24 horas por dia, que detecta qualquer crime ambiental e emite alertas. Nosso foco é tolerância zero contra os crimes ambientais”, destacou.

Leia mais:  Em mensagem a investidores e ambientalistas, governador afirma: MT é o lugar do planeta que mais produz alimento e respeita o Meio Ambiente

Ainda na conferência, outro ponto ressaltado por Mauro Mendes foi o fato de que o Estado tem a possibilidade de dobrar a produção de alimentos, sem derrubar uma única árvore, só convertendo pastagem em área para a agricultura.

“Temos potencial, temos maturidade e estamos preparados para continuar no caminho da conservação e produção sustentável”, ressaltou.

O governador cumpre agenda durante toda a semana na Dinamarca e depois segue para a Escócia.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Segurança

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana





Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262