conecte-se conosco


AGRONEGÓCIO

Feira Segura beneficia produtores rurais facilitando a venda de produção em Rio Branco

Publicado


Não é novidade que a pandemia do coronavírus prejudicou a economia de variadas formas, especialmente a dos pequenos negócios. No campo não foi diferente. As restrições, no primeiro momento, prejudicaram a comercialização dos produtos que eram vendidos nas feiras livres por pequenos produtores rurais, dificultando a obtenção de renda e agravando a crise econômica suportada pelas famílias rurais nesse momento difícil do país e do mundo.           

feiraseg12
Feira Segura foi criada pela CNA para beneficiar produtores em meio à crise do coronavírus. Foto: ASCOM/SENAR-AC

Pensando nesta situação, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR – AC) realizou nesta sexta-feira (30) a primeira edição do projeto Feira Segura no estado do Acre, em parceria com a Prefeitura de Rio Branco, através da Secretaria Municipal de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Econômico (SAFRA).           

feiraseg2
Primeira edição da feira foi realizada no bairro Manoel Julião. Foto: ASCOM/SENAR – AC

O projeto Feira Segura é uma ação nacional, criada pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) pensando em viabilizar a continuidade de feiras livres com segurança na pandemia. Ano passado, foram realizadas 132 edições em 88 municípios de 10 estados, atendendo mais de 4 mil feirantes, 56 mil consumidores e R$ 692 mil em movimentação econômica.                

Em Rio Branco, a ação foi realizada no Mercado Beatriz Lúcio Braña (bairro Manoel Julião), e teve como principal objetivo trazer uma feira livre com segurança para produtores e compradores, permitindo que pudesse haver comercialização de produtos evitando o contágio por coronavírus.                 

feiraseg3
Equipe do SENAR – AC e SAFRA se responsabilizaram pela higienização dos compradores. Foto: ASCOM/SENAR – AC

Durante a realização da feira, membros do SENAR – AC e da SAFRA organizaram o espaço de modo que houvesse a higienização dos participantes na entrada e saída, organizaram os estandes para garantir o distanciamento social, montaram as embalagens dos produtos com a segurança necessária, e outras ações que cumprem com as regras do projeto criado pela Administração Nacional.                        

Leia mais:  CNA apoia projeto que cria cota para leite nacional na merenda escolar
feiraseg1
Produtora rural Liliana Guimarães da Costa, do Polo Geraldo Fleming. Foto: ASCOM/SENAR – AC

Nesta primeira edição, foram mobilizados 15 produtores rurais do Polo Geraldo Fleming, em Rio Branco, que receberam treinamento próprio para o evento e material cedido pelo SENAR para higienização dos produtos. Entre as participantes do evento estava Liliana Guimarães da Costa, que além de produtora rural, também é concludente do Curso Técnico em Agronegócio do SENAR: “Estou muito feliz por estarmos tendo esta oportunidade de vender, e mais ainda, de poder contar com o apoio de instituições que pensam em nós, produtores rurais, e que sabem da dificuldade do nosso dia a dia”.                  

feiraseg5
Francisca Emiliana dos Santos prestigiou a Feira Segura. Foto: ASCOM/SENAR – AC

Uma das primeiras compradoras foi Francisca Emiliana dos Santos, que soube da Feira Segura através de uma amiga e prestigiou o evento, mesmo morando em outro bairro: “Vim conhecer e gostei muito de saber sobre como ela foi realizada, e principalmente pela organização e respeito às normas de saúde pública”.                   

Também prestigiaram o evento autoridades do SENAR e da Prefeitura de Rio Branco:

feiraseg7

“Estamos muito felizes em trazer mais uma ação de alcance nacional para o nosso Estado. Esperamos que esta seja a primeira de muitas, e que o nosso objetivo seja alcançado: melhorar a qualidade de vida dos nossos produtores rurais.” – Mauro Marcello Gomes de Oliveira, superintendente do SENAR – AC

Leia mais:  Senar realiza curso de criação de frangos e galinhas poedeiras estilo caipira
feiraseg8

“Esse é o início de uma ótima parceria com a Prefeitura de Rio Branco. Esperamos que muitas outras feiras possam vir para beneficiar todos – dos produtores aos consumidores.” – Assuero Veronez, presidente da FAEAC

feiraseg6

“É importante valorizar as boas parcerias, principalmente quando elas se alinham em ação e objetivo. Esperamos o sucesso desta feira e de todas as outras que poderão vir, com espaços maiores e quem sabe até em outros municípios.” – Eracides Caetano de Souza, titular da SAFRA

feiraseg9

“Os produtores rurais valorizam demais as feiras livres, pois muitas das vendas de suas produções são realizadas neste momento. Então, em nome de toda a comunidade do Polo Geraldo Fleming, quero agradecer pela oportunidade e pela atenção que nos foi dada. Muito enfrentaram crises difíceis, mas o caminho parece estar melhorando agora.” – Jonisete Lima Mendes, presidente da Associação de produtores do Polo Geraldo Fleming

feiraseg10

“Queremos que os produtores rurais tenham aumento em suas rendas, que consigam sempre colocar comida nas próprias mesas. Queremos fazer com que as riquezas da nossa terra se multipliquem. Só vamos gerar mais empregos se tivermos produção.” – Tião Bocalom, Prefeito de Rio Branco

Fonte: CNA Brasil

Comentários Facebook

AGRONEGÓCIO

Pesquisa inédita é realizada com produtores de soja do Brasil e dos EUA

Publicado


Estudo inédito realizado no Brasil e nos Estados Unidos medirá a influência dos canais de comunicação na tomada de decisão sobre a adoção de novas tecnologias na agricultura. Promovida pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e pela Universidade de Illinois, com apoio da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato), da Associação Brasileira dos Produtores de Soja (Aprosoja Brasil) e da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a pesquisa é focada em produtores de soja dos cinco principais Estados de cada país.

No Brasil, o público-alvo são agricultores de Mato Grosso, Paraná, Rio Grande do Sul, Goiás e Mato Grosso do Sul. Nos EUA, a mesma pesquisa será aplicada em Illinois, Iowa, Minnesota, Indiana e Nebraska. O critério de escolha foram os cinco Estados, em cada país, com a maior área cultivada com soja. 

São apenas cinco a sete minutos para responder as questões, todas de múltipla escolha. Os respondentes não serão identificados e todas as respostas serão confidenciais. No final do questionário, o produtor poderá ainda incluir o seu endereço de e-mail para receber os resultados da pesquisa. 

Leia mais:  Articulação no campo garante verba para pesquisas voltadas para erva-mate

Para participar, basta acessar o questionário aqui: http://bit.ly/agricomunica.

O levantamento online buscará identificar a contribuição de veículos de massa (jornais, revistas, rádio, televisão, websites), de mídias sociais (WhatsApp, Facebook, Youtube, Instagram) e das relações interpessoais (dias de campo, conferências, extensionistas, vendedores) na decisão de adotar uma nova tecnologia para a lavoura.  

“Os resultados serão importantes para ajudar nas estratégias de disseminação de soluções digitais na agricultura, além de subsidiar novas pesquisas em comunicação agrícola, uma área ainda carente de dados”, afirma a jornalista e doutoranda Joana Colussi, uma das pesquisadoras responsáveis pelo estudo, juntamente com os professores Antônio Padula, da UFRGS, e Gary Schnitkey, da Universidade de Illinois. 

Diretor de Política Agrícola e Informações da Conab, o pesquisador Sérgio De Zen destaca que a evolução da safra agrícola está diretamente relacionada com a adoção tecnológica no campo. “Por isso é de extrema importância termos dados confiáveis para acompanhar e planejar ações nessa direção”, afirma De Zen.  

Para o diretor executivo da Aprosoja Brasil, Fabrício Rosa, a facilidade de comunicação e de acesso à informação, proporcionada pela internet, estão introduzindo o agricultor nessas novas tecnologias da informação. No entanto, segundo ele, sua plena utilização ainda depende de uma melhor conectividade no campo.

Leia mais:  Jovens de Mato Grosso participam de encontro nacional em formato online

“Pesquisas desta natureza são importantes para entender quais são as ferramentas que os produtores procuram utilizar para uma melhor tomada de decisão em seus negócios. Hoje existe uma infinidade de opções digitais e muito mais poderiam estar sendo adotadas se fossem feitos investimentos para implantação de uma infraestrutura de internet mais confiável na área rural”, observa.

No Brasil, a pesquisa conta ainda com a colaboração da Federação da Agricultura do Rio Grande do Sul (Farsul), Federação da Agricultura do Paraná (Faep) e Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg), além de Ematers, universidades, cooperativas e organizações públicas e privadas ligadas ao agronegócio. 

Fonte: CNA Brasil

Comentários Facebook
Continue lendo

AGRONEGÓCIO

Senar realiza curso de criação de frangos e galinhas poedeiras estilo caipira

Publicado


Com o objetivo de levar capacitação para os criadores de frango de corte e galinhas poedeiras no estilo caipira, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural em Sergipe – Senar/SE realizou de 3 a 6 de maio o curso online ‘Criação de frangos e galinhas poedeiras’.

No conteúdo programático do treinamento, foram repassadas informações sobre aspectos ambientais, genéticos, nutricionais, sanitários e de manejo.  A instrutora e zootecnista, Gleicianny de Brito Santos, destaca a importância da capacitação.

“Durante o curso foram transmitidas informações técnicas necessárias para a melhoria ou implantação de uma criação de frangos e galinhas caipiras em uma propriedade objetivando obter uma produção eficiente, com geração de renda”, explica Gleicianny.

O aluno Francisco Maynard Garcez afirma que pretende aplicar o conhecimento adquirido no curso na sua propriedade. “O curso foi muito satisfatório. Eu tenho um sítio aqui em Sergipe e não tenho experiência nenhuma em criação de aves, tanto na parte de manejo como em vacinação e nutrição. Crio apenas para consumo próprio, e quem sabe possa no futuro próximo criar para comercialização”.

Leia mais:  Pesquisa inédita é realizada com produtores de soja do Brasil e dos EUA
Fonte: CNA Brasil

Comentários Facebook
Continue lendo

Segurança

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana





Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262