Connect with us

MT

Governo publica edital para construção do Hospital Regional de Tangará da Serra

Published

on


O Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT), publicou na edição do Diário Oficial do Estado desta quinta-feira (27.01), o aviso de abertura do edital para a construção do Hospital Regional de Tangará da Serra. O valor estimado da obra é de R$ R$ 117,2 milhões.

“Mato Grosso vai ganhar quatro novos hospitais regionais para atender de forma digna a população. As construções começam ainda este ano e quero agradecer o apoio de todos, principalmente, as prefeituras dos municípios definidos: Tangará da Serra, Confresa, Alta Floresta e Juína, que cederam os terrenos. A união de todos vai trazer mais desenvolvimento ao Estado e melhores condições de vida a todos que aqui moram. Estamos na torcida para que possamos contratar uma excelente empresa para construir esse belíssimo hospital em Tangará, que irá atender a saúde de Mato Grosso, principalmente da Região Leste”, destacou o governador Mauro Mendes.

A licitação ocorrerá na modalidade concorrência, ou seja, ganha aquela empresa que apresentar o menor preço. As empresas interessadas no certame devem seguir as regras estabelecidas no edital.

Leia mais:  Sesp debate medidas de segurança pública com moradores de Campo Verde

“A região Leste do Estado ganha muito com esse Hospital Regional no município de Tangará da Serra. Os novos Hospitais Regionais já nascem maiores e mais modernos do que os demais hospitais que temos na Rede Estadual. Seguimos em 2022 no cumprimento das metas estabelecidas pelo governador Mauro Mendes, que é de fazer a saúde funcionar e atender melhor ao cidadão”, declarou o secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo. 

O edital ficará disponível na Coordenadoria de Aquisições, da Superintendência de Aquisições e Contratos, no horário de expediente (das 8h às 18h), e também poderá ser acessado pelo Portal de Aquisições. A sessão de concorrência está marcada para o dia 3 de março de 2022, às 9h30, na sala de licitações da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), situada no Centro Político Administrativo, Rua C, Bloco III.

A estrutura

O Hospital Regional de Tangará da Serra contará com 111 leitos de enfermaria e 40 UTIs, entre adultas, pediátricas, neonatal e unidade semi-intensiva neonatal, para atendimento na média e alta complexidade. A unidade de Saúde também vai ter 10 consultórios médicos, 2 consultórios para atendimento a gestantes, 6 salas de centro cirúrgico, além de espaços para banco de sangue, banco de leite materno e realização de exames, como tomografia e colonoscopia.

Leia mais:  Moradores do Jardim Imperial em Cuiabá ganham novo espaço de lazer após indicação do Juca

Outros hospitais

O Governo do Estado também irá iniciar em 2022 a construção do Hospital Regional de Juína. A SES-MT habilitou cinco empresas interessadas na ocorrência para a construção da unidade de saúde. O hospital está estimado em R$ 119 milhões e contará com aproximadamente 17.000 metros quadrados.

Para a concorrência da construção do Hospital Regional do Araguaia, localizado em Confresa, a SES está analisando a documentação para habilitação de empresas interessadas na obra. O valor estimado da obra é de R$ R$ 116,7 milhões.

Também foi publicado o aviso de abertura do edital de licitação para a construção do Hospital Regional de Alta Floresta, estimada em R$ R$ 116,4 milhões. A licitação será na modalidade concorrência. A sessão de concorrência está marcada para o dia 1º de fevereiro de 2022, às 9h30, na sala de licitações da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), situada no Centro Político Administrativo, Rua C, Bloco III.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook

MT

Empaer promove encontro técnico sobre cultivo de capineiras em Tangará da Serra

Published

on

A Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer) promove no dia 02 de junho, a partir das 13h30, no Campo Experimental de Tangará da Serra (239 km de Cuiabá no sentido noroeste), o Encontro Técnico do BRS Capiaçu e BRS Kurumi.

O objetivo é divulgar e repassar orientações técnicas para o cultivo de capineira e pastagem de alto potencial produtivo para a região, incentivando a produção de alimento tanto para período das águas quanto da seca, com uso de capim de boa qualidade. Durante o encontro, o produtor obterá conhecimento técnico e prático, a ser replicado nas propriedades rurais onde se desenvolve a pecuária de leite e corte.

No campo de Tangará da Serra, a Empaer funciona como vitrine tecnológica e propagação de mudas desses materiais, desenvolvidas pela Embrapa. As palestras serão proferidas pelos técnicos da Empaer, que abordarão o histórico e as características das cultivares, preparo do solo, calagem e adubação, produção de mudas, plantio, controle de pragas e plantas daninhas, manejo, colheita e silagem de Brs Capiaçu.

É esperada a participação de produtores de leite e corte da região, técnicos e autoridades locais, que desejam adquirir conhecimento sobre o assunto.

Leia mais:  Botelho aparece com 4,5% das intenções de votos; Juca surpreende e alcança 3% para estadual, aponta PercentBrasil

As capineiras – O Capim Elefante BRS Capiaçu é um material muito produtivo, lançado há pouco tempo, que está sendo utilizado em diversas regiões do Brasil na alimentação do rebanho, seja na forma de silagem ou picado verde fornecido no cocho. É uma das formas mais econômicas para se produzir ração para o gado, principalmente no período da seca, quando a escassez e qualidade das pastagens são afetadas pela falta de chuvas.

Já o Capim Elefante BRS Kurumi foi lançado há mais tempo, porém é pouco conhecido entre produtores da região. Possui alto teor de proteína bruta e digestibilidade, sendo ideal para pastoreio em sistema de pastejo intensivo.

Tais cultivares também podem ser empregados na composição alimentar de outras espécies de animais, como equinos, ovelhas, cabras e frango caipira.

Serviço

Evento: Encontro Técnico do BRS Capiaçu e BRS Kurumi

Quando: 02/06 (quinta-feira), a partir das 13h30

Local: Campo Experimental da Empaer, Estrada do Aeroporto, km 04, Tangará da Serra 

Leia mais:  Governo credencia estabelecimentos com valores a receber de empresa que teve contrato rescindido
Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue Reading

MT

Governo de MT não participa de operação em Reserva Roosevelt

Published

on

O Governo de Mato Grosso não participa de operação na cidade de Colniza, na Reserva Roosevelt. A ação é toda desenvolvida pelo Ibama, ICMBio e Forças de Segurança nacional.

A secretária de Meio Ambiente de Mato Grosso (Sema), Mauren Lazzaretti, esclareceu que nenhum órgão estadual faz parte dessa ação.

“Não tem participação do Governo de Mato Grosso, Sema e nem das Forças de Segurança estaduais. É uma operação exclusivamente do Ibama, ICMBio e Força Nacional. Não tivemos participação no planejamento e ciência de qual a forma como está sendo realizada a operação em Colniza”, afirmou a secretária.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Governo leva projeto Comunidade Inteligente à Região Leste do Estado
Continue Reading

Segurança

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana

Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262