conecte-se conosco


MT

Mais de 200 mil tartarugas já foram soltas no Araguaia pelo projeto “Amigos da Natureza”

Publicado


A Polícia Militar de Mato Grosso, em parceria com o projeto “Amigos da Natureza”, já realizou a soltura de 200 mil Tartarugas-da-Amazônia nas regiões do Araguaia. A ação conta com o apoio do Ministério Público, prefeituras e colônias de pescadores em prol da preservação e repovoamento da espécie ameaçada de extinção. 

Coordenado pelo biólogo Francisco de Assis Ribeiro de Souza, o projeto foi criado em 2001, no município de Luciara, e passou pelas cidades de Santa Terezinha, Confresa, Porto Alegre do Norte e, desde 2015, está em São Félix do Araguaia. 

A sede do projeto fica no quartel da 2ª Companhia de Polícia Militar de São Félix do Araguaia, onde, durante o período de gestação dos filhotes, os ovos são cuidados por policiais militares e integrantes do projeto em uma praia artificial.  

Tenente Juliano Rebelo, comandante da unidade da PM em São Felix do Araguaia, explica que os ovos dos animais são recolhidos nos leitos dos rios e colocados no berçário, permitindo o nascimento seguro e controlado dos filhotes. “Nós damos uma sobrevida ao animal. Nesse período (nascimento), é quando as tartarugas mais morrem. Nós cuidamos e monitoramos os filhotes no dia a dia, para que possam nascer seguros”, explica o militar.  

Leia mais:  Secel divulga prévia dos eventos esportivos em encontro com gestores municipais de esporte

A importante atuação do projeto no período de recolhimento dos ovos e incubação (que varia de 45 e 60 dias), o trabalho de manejo e soltura realizado pela PM e parceiros, aumenta em 60% o índice de sobrevivência dos filhotes, que são soltos em locais seguros, onde há abrigo, esconderijo e alimentação – devido às ações de predadores e às altas temperaturas, nessa etapa apenas 4% dos filhotes sobrevivem.  

Além do repovoamento das tartarugas, o projeto promove ações de preservação, como a coleta de lixo e resíduos em pontos turísticos da cidade, o repovoamento de peixes nativos da bacia hidrográfica do Araguaia, além da recuperação de nascentes e matas ciliares.    

“Vale destacar a importante participação social da PM nesses projetos de preservação ambiental, através do 10º Comando Regional, atuando e colaborando diretamente em prol do nosso meio ambiente”, conta o comandante do 10º CR, tenente-coronel Rodrigues. 

A Tartaruga-da-Amazônia está ameaçada de extinção devido à apreciação da sua carne. Rica em proteína, ela é considerada um prato exótico e saboroso na região. Sua gordura também é bastante utilizada na produção de cosméticos e na indústria farmacêutica.

Leia mais:  Botelho comemora aniversário de Poconé e apresenta trabalho pelo município
Fonte: GOV MT

Comentários Facebook

MT

Entrada de drone, celulares e drogas na Penitencuária Central do Estado é interceptada

Publicado


Em ação rápida na noite de sexta-feira (21.01), policiais penais apreenderam um drone, celulares e substância análoga a maconha e cocaína na Penitenciária Central do Estado (PCE), em Cuiabá.

Durante vigilâncias e rondas no interior da unidade, os agentes conseguiram apreender os materiais ilícitos que seriam destinados aos reeducandos, por meio do equipamento.

Foram encontrados um drone, dois aparelhos celulares, 13 conectores para carregador, nove cabos USB, quatro fones de ouvidos.

Os agentes identificaram ainda três pacotes grandes e um pequeno de substância análoga a maconha e dois pacotes pequenos de substância aparentemente análoga à pasta base de cocaína.

Ainda durante a fiscalização, foram flagrados dois pacotes de papel para cigarro, um pacote de fumo e um rolo pequeno de fio.

O diretor da PCE, Lindomar Henrique da Silva Rocha, informou que um dos policiais penais se feriu durante ação, que precisou de atendimento médico em seguida.

“Nossos agentes não mediram esforços para realizar a apreensão de materiais ilícitos que seriam destinados aos reeducandos. Mesmo diante da adversidade, conseguiram efetuar a apreensão dos materiais. Deixamos aqui nossos parabéns a todos os policiais penais”, parabenizou.

Leia mais:  Secel divulga prévia dos eventos esportivos em encontro com gestores municipais de esporte
Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

MT

Policiais penais rendem casal arremessando materiais ilícitos e interceptam entrada de drone na Mata Grande

Publicado


Um casal foi detido na noite de sexta-feira (21.01) ao ser flagrado arremessando celulares, acessórios e entorpecentes na Penitenciária Major PM Eldo de Sá Correa, mais conhecida como Mata Grande, em Rondonópolis (220 km de Cuiabá). Além disso, em outra ação, os agentes conseguiram apreender ainda um drone carregado com outros materiais ilícitos na quadra do Raio II da unidade. 

Conforme informações do boletim de ocorrência, os suspeitos estavam em uma motocicleta modelo Honda Biz, de cor vermelha, em atitude suspeita passando por diversas vezes próximo ao presídio. Em dado momento, o homem pulou um alambrado de proteção e chegou a arremessar os materiais sobre o muro da Mata Grande, sendo repreendido em seguida pelos policiais penais.

Durante abordagem, a mulher relatou que receberia R$ 500 pelo trabalho. Já o homem contou que teria uma dívida perdoada após a conclusão do trabalho.

Foram apreendidos seis celulares, quatro carregadores, três fones de ouvidos e duas porções de grande volume de substância verde aparentando ser maconha.

Leia mais:  Filme aborda experiências e memórias de imigrantes que vivem em Cuiabá e Lisboa

Apreensão de drone

Em outra ação, ainda na noite de sexta, os policiais penais, durante rondas na unidade, localizaram um drone com dois aparelhos celulares, um carregador e cinco papelote.

Os materiais ilícitos estavam na quadra do Raio II. De imediato, os aparelhos celulares e o equipamento foram recolhidos.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Segurança

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana





Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262