Connect with us

Cuiabá

Programa AMOR vacina crianças contra Covid-19 na região do Cinturão Verde

Published

on


Davi Valle

Clique para ampliar

A gestão Emanuel Pinheiro, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, continua concentrando esforços no combate à Covid-19. Nesta quinta-feira (27), a campanha de imunização “Vacina Cuiabá – sua vida em primeiro lugar” chegou à zona rural da Capital para a vacinação das crianças de 5 a 11 anos na região do Cinturão Verde, no Pedra 90.  O trabalho é realizado pela equipe do programa AMOR – Assistência Médica e Odontológica Rural.

A equipe fez o levantamento de aproximadamente 300 crianças da faixa etária que vivem nessa região e que por conta da dificuldade de acesso às unidades de saúde e de locomoção, serão atendidos na Escola Municipal Rural Herbert José de Souza.  

“Atualmente nossas equipes atendem em torno de 22 comunidades rurais em Cuiabá. Somos duas equipes compostas por médicos, enfermeiros, dentistas e os auxiliares que atendem como uma unidade de Saúde da Família levando até as comunidades tanto ações da saúde como sociais também, utilizando espaços como escolas, centros comunitários, associações e às vezes até varandas nas chácaras. O Cinturão Verde é uma comunidade rural relativamente próxima à Capital, mas que engloba uma série de outras comunidades e o acesso não é muito fácil. Nessa ação aqui na escola atenderemos cerca de 300 crianças na faixa etária entre 5 e 11 anos”, explicou o enfermeiro  Alan Maique Ribeiro.

Leia mais:  Prefeitura adere a Semana Nacional do MEI 2022 e oferta serviços gratuitos à população

O prefeito Emanuel Pinheiro destacou que levar o serviço à zona rural do município representa mais do que a imunização e o combate à pandemia, mas também o cuidado com a população e a humanização da saúde.  “A campanha de vacinação contra a covid-19 tem sido marcada pelo empenho de toda a equipe para levar a esperança que a vacina representa, não medindo esforços para que o atendimento chegue àqueles que não têm condições de ir até o polo central”, ressaltou o prefeito.

A primeira criança vacinada na zona rural de Cuiabá foi o Emanuel Tosta, de 10 anos, que foi acompanhado da mãe, a professora Márcia Tosta. “O programa AMOR é uma benção porque para nós que moramos aqui no Cinturão e nas chácaras fica complicado sairmos daqui para irmos ao Pedro 90, principalmente aqueles que não possuem transporte. Nós mobilizamos toda a comunidade para a vacinação para que viessem, porque se temos esse recurso através da Prefeitura temos que valorizá-lo para que em breve tudo volte ao normal e para que nossas crianças possam voltar com segurança às salas de aula”, pontuou a professora.

Leia mais:  Secretaria da Mulher e Núcleo de Apoio à primeira-dama celebram o Dia das Mães com ação humanizada no Hospital Municipal de Cuiabá

Já o Davi Augusto, de 9 anos, esteve acompanhado do pai, o senhor Jair Machuinski, que relatou a importância da atuação do programa AMOR na comunidade, bem como a imunização contra a Covid-19.  “Isso aqui é um presente para nós, porque ajuda em tudo. Os postos de saúde estão lotados e temos dificuldades para ter acesso. E agora com a imunização das crianças posso mandar meu filho para a escola sem medo. Eu perdi a minha mãe para a Covid-19, ela não conseguiu se vacinar, mas se tivesse se vacinado tenho certeza de que estaria viva”, comentou o aposentado.                  

A dona Janete Ferreira levou as duas netas para a vacinação a Poliana, de 6 anos, e a Isabela, de 9 anos. Janete que faz parte do grupo com comorbidades afirmou que ficou feliz com a imunização das netas e que a agora se sente mais segura. “Nós aqui no Cinturão Verde precisamos muito de ações como essa, eu não teria condições de leva-las lá na unidade Beira Rio, então agradecemos muito a Deus e a Prefeitura. Elas estudam então é importante estarem imunizadas, eu também faço parte do grupo de risco, já fui imunizada, então agora nos sentimos mais seguras”, disse.

Comentários Facebook

Cuiabá

Prefeitura adere a Semana Nacional do MEI 2022 e oferta serviços gratuitos à população

Published

on

A Prefeitura de Cuiabá,  por meio da Rede Nacional de Simplificação do Registro e Legalização de Empresas e Negócios (Rede Sim),  igada à Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (SMADESS), aderiu à Semana Nacional do MEI 2022, que acontece até 20 de maio, fruto de uma uma parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenos Empresas (SEBRAE-MT), que disponibiliza de forma gratuita serviços e treinamentos de capacitação aos pequenos empresários do município. 

A agência, que fica localizada na sobreloja do Palácio Alencastro, região central da cidade, conta com expediente semanal das 08h às 17h. Na oportunidade, uma equipe profissional da entidade privada atua na promoção dos atendimentos voltados a emissão de boletos, parcelamentos de taxas administrativas, emissão de declarações, atualização cadastral, baixa de CNPJ, abertura e demais aos microempreendedores individuais, respectivamente. A expectativa é recepcionar mais de 500 pessoas neste período. 

O chefe da Pasta, Renivaldo Nascimento, fez um convite à população para que compareçam ao local e aproveitem as chances de regularizar as pendências de suas empresas, bem como de ampliar os conhecimentos. “Estamos aqui durante toda essa semana, juntamente com Sebrae, ofertando diversos serviços aos nossos empresários, com toda a estrutura necessária para melhor atendê-los.”, disse. 

Leia mais:  Mais 250 cobertores da campanha Aquece Cuiabá são entregues à população em situação de rua

O gerente-técnico da Rede Sim, Dioclides Macedo frisou que nos tempos atuais, a capital tem se destacado, vista pelos olhares nacionais como uma das cidades mais promissoras para se investir, graças aos avanços operacionais e tecnológicos angariados desde de 2017. “O prefeito Emanuel Pinheiro determinou e nos capacitou de todas as maneiras para realizar a regularização das empresas. Cuiabá hoje é referência na emissão de alvarás e simplificação da máquina pública, atraindo empresários do mundo inteiro, com prazo bastante curto. Temos a plena convicção que atividades como essa fazem toda a diferença e nos impulsionam a crescer cada vez mais, diminuindo também a inadimplência”, completou. 

A representante da órgão parceiro, Emily Hadassa,  que atua no Núcleo de Relacionamentos e Atendimentos, destacou que a finalidade consiste em levar, o mais próximo possível, os procedimentos aos cidadãos, não centralizando o apoio apenas ao prédio central. “Por aqui passam muitos munícipes diariamente, um espaço estratégico para conseguirmos captarmos. Estamos muito contentes com a procura e esperamos que cresça ainda mais até sexta-feira. Para nós é uma alegria muito grande contribuir com cada um delas, faz parted a nossa missão, facilitar a vida do empreendedores, em todos os aspectos”, reiterou. 

Leia mais:  Prefeitura adere a Semana Nacional do MEI 2022 e oferta serviços gratuitos à população

As oficinas ocorrem no turno vespertino, das 14h às 17h, no Auditório do Executivo Municipal. Dentre as temáticas abordadas estão: Como começar a inovar em produto e serviços e conquistar novos clientes; Como começar uma empresa? Da ideia a formalização e Como ser encontrado no Google. 

Comentários Facebook
Continue Reading

Cuiabá

Projeto “10 Minutos contra o Aedes nas Escolas” ensina para alunos como combater o mosquito da dengue

Published

on

Os alunos da EMEB Esmeralda de Campos Fontes, do bairro Ribeirão da Ponte, aprenderam na última semana como combater a proliferação do mosquito Aedes aegypti, vetor de doenças como dengue, zika vírus e as febres chikungunya e amarela, com a equipe do setor de Educação em Saúde da Vigilância em Zoonoses.

O agente combate a endemias e responsável técnico pelo setor de Educação em Saúde, Hélio Simião, acompanhado pelos também agentes, José Carvalho e Giovani Cassio fizeram uma palestra integrativa para as crianças, mostrando de forma simples como elas podem ajudar a evitar a reprodução do mosquito e conscientizar suas famílias sobre a importância de combatê-lo.

“Estamos retomando o Projeto 10 Minutos contra o Aedes nas Escolas, pois é a maneira que temos de alcançar várias famílias, por intermédio das crianças. De uma maneira lúdica, apresentamos para as crianças o ciclo do mosquito em banners e depois mostramos as fases com o próprio mosquito em vidrinhos. Nosso objetivo é mostrar para elas o que podem fazer para eliminar os criadouros”, comentou Hélio.

Leia mais:  Prefeito Emanuel Pinheiro sanciona programa Agro da Gente

Materiais como garrafas pet, copinhos plásticos e tampinhas de garrafas, que são muito comuns de serem encontrados em todas as casas, são potenciais criadouros de mosquito. A equipe levou vários brinquedos feitos destes materiais para incentivar as crianças a transformarem estes objetos, que geralmente ficam nos quintais, em artefatos recreativos, evitando que se tornem locais de desenvolvimento do mosquito.

Em relação à escolha das escolas para receberem a palestra, Hélio disse que neste momento selecionaram unidades educacionais que ficam localizadas onde o Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti (LIRAa) está alto. “Já temos outras palestras marcadas em escolas da região. Caso outras instituições queiram solicitar nossa presença, é só nos mandar um email no endereço ccz.saude@cuiaba.mt.gov.br”, disse o responsável técnico.

Para a diretora da EMEB Esmeralda de Campos Fontes, Uga Cruz, o Projeto 10 Minutos contra o Aedes nas Escolas é de suma importância. “Com a pandemia, todo mundo esqueceu da dengue, e com isso começamos a ver vários casos da doença, até entre os nossos alunos. Eles são o nosso elo na comunidade, porque eles que ensinam para os pais os bons hábitos que aprendem na escola”, finalizou.

Leia mais:  Prefeitura de Cuiabá inicia discussão da LDO 2023 na próxima semana

Comentários Facebook
Continue Reading

Segurança

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana

Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262