Connect with us

Mato Grosso

Proprietários de veículos com placa final 6 têm até dia 30 de junho para pagar o licenciamento

Published

on

Os proprietários de veículos com placa final 6 têm até o dia 30 de junho para efetuar o pagamento do Licenciamento 2022. A taxa pode ser emitida no site do Detran-MT, na opção “Consulte Seu Veículo”, ou pelo aplicativo MT Cidadão.

Após o pagamento da taxa, o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo pode ser emitido em formato digital (arquivo em PDF) ou impresso em papel A4, pelo site do Detran, em qualquer lugar que o cidadão tenha acesso à internet e impressora.

O Licenciamento em papel moeda, o antigo “verdinho”, não é mais emitido pelo Detran há mais de dois anos. A nova versão do documento é de caráter definitivo e possui o mesmo valor jurídico do antigo, com autenticidade e segurança garantidos por meio de QR Code, que está ligado à base nacional de dados da Secretaria Nacional de Trânsito (Senatran).

O Detran-MT reforça que, para licenciar o veículo e transitar de forma regular, é preciso quitar todos os débitos pendentes como IPVA, taxa de licenciamento, possíveis multas de trânsito, além da regularização de pendências administrativas ou jurídica, caso o veículo tenha. 

Leia mais:  Governo estadual paga servidores nesta quinta-feira, incluindo 50% do 13° salário aos efetivos

Por decisão do Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP), vinculado ao Ministério da Economia, há dois anos não está sendo mais cobrado o seguro DPVAT.

No Instagram do Detran-MT (@detranmt), o cidadão pode verificar o passo a passo para pagar a taxa e imprimir o Licenciamento. Clique AQUI e confira o vídeo orientativo.  

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook

Mato Grosso

ALMT aprova lei que altera o Programa de Regularização Ambiental

Published

on

Comentários Facebook
Leia mais:  Estão construindo o caminho para o caos fiscal no país, diz Mauro Mendes
Continue Reading

Mato Grosso

Governo de MT doa a povos indígenas balsa que faz travessia do Xingu

Published

on

A Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra-MT) publicou no Diário Oficial desta sexta-feira (01.07) o termo de doação da Balsa Estradeiro I e do Rebocador Estradeiro II para a Associação da Balsa dos Povos Indígenas do Xingu. 

Com isso, a partir de agora a responsabilidade pela manutenção dos barcos, que fazem a travessia do Rio Xingu na MT-322, será dos indígenas, que já são responsáveis por operar as embarcações.

Em ato na Aldeia Piaruçu, o cacique Megaron agradeceu o Governo do Estado pela doação. “Eu quero falar aqui que nós estamos felizes e contentes com a doação da balsa. Queremos agradecer ao governador Mauro Mendes, como outras pessoas que nos ajudaram também”.

Em fevereiro deste ano, o Governo do Estado entregou as balsas reformadas aos povos indígenas. No total, o Estado investiu R$ 1,2 milhão no conserto. Foram realizados serviços de reparo nas estruturas da balsa, nas rampas de acesso, recuperação do abrigo de passageiros, instalação de portões e revisão de toda a parte mecânica do rebocador, além da limpeza e pintura da balsa.

Leia mais:  ALMT aprova lei que altera o Programa de Regularização Ambiental

Os equipamentos haviam sido apreendidos pela Marinha do Brasil em abril de 2021, atendendo uma decisão judicial que apontava falta de segurança. A balsa é a única alternativa para atravessar o Rio Xingu em Mato Grosso.

Desta forma, seu funcionamento é essencial para o escoamento da produção agrícola da região, para o comércio e para a integração entre o norte mato-grossense e a região do Norte Araguaia. Além disso, o serviço tem grande relevância para os povos indígenas que vivem no Parque do Xingu, e que são responsáveis pela operação da balsa.

A Balsa Estradeiro I tem 39 metros de comprimento e capacidade para transportar 169 toneladas de carga, 48 passageiros e dois tripulantes.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue Reading

Segurança

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana