Connect with us

MT

Seduc apresenta a Tocantins projetos e ações adotados na educação pública de MT

Published

on

A Secretaria de Estado de Educação de Mato Grosso (Seduc-MT) recebeu, nesta terça-feira (14.06), equipe técnica da Secretaria de Estado de Educação de Tocantins (Seduc-TO) para apresentar as ações e programas que estão sendo aplicados para melhorar os índices educacionais no Estado.

Os secretários de Educação, Alan Porto (MT) e Fábio Pereira Vaz (TO), abriram a reunião em torno de uma agenda voltada à troca de experiências entre as duas pastas. O encontro, que ocorreru na sede da Administração Central, em Cuiabá, contou com a participação de coordenadores nas áreas pedagógica, administrativa e tecnológica de ambas as secretarias.

Alan Porto destacou que, na atual gestão, Mato Grosso também foi a outros Estados conhecer programas e ações que estavam dando certo. Ele citou o exemplo do Programa Alfabetização na Idade Certa (Paic), do Ceará, que inspirou Mato Grosso a criar o Alfabetiza MT e, dentro do programa, o MT Muxirum. “Fico feliz por hoje sermos o exemplo. É a comprovação de que estamos no caminho certo”, disse.

O secretário destacou os recursos destinados ao setor em Mato Grosso. “Aqui, o Governo resolve os gargalos da Educação com investimentos. Vamos fechar 2022 com investimentos de aproximadamente 700 milhões de reais. Agora temos escolas mais modernas, com melhores condições para o aprendizado do aluno e um ambiente mais apropriado para os profissionais da educação que ali trabalham”, disse.

Leia mais:  Baixa alíquota do ICMS reflete diretamente no preço do etanol na bomba

O projeto EducAÇÃO 10 Anos foi um dos destaques citados como case de sucesso. O objetivo é melhorar os índices educacionais de Mato Grosso até 2032. O projeto vai alinhar questões estratégicas, com ações e projetos desenvolvidos pela Seduc-MT. Sua missão é garantir o acesso, permanência e aprendizagem dos estudantes, com equidade, visando ser referência entre as cinco melhores redes de ensino público do país.

Mesmo com dois anos de pandemia da Covid-19, Mato Grosso avançou em Educação com 30 propostas que abrangem todos os setores, do pedagógico à infraestrutura. Implantou o Sistema Estruturado de Ensino, Plataforma Digital e conectividade nas escolas. Junto, vieram novidades como o Google for Education e os conteúdos relativos ao Socioemocional, Mais Inglês e Educação Financeira, por exemplo.

“Investimos em notebooks para professores e coordenadores pedagógicos, Chromebooks para a comunidade escolar, iniciamos a entrega de televisores Smats de 65 polegadas para as salas de aula, doamos o dispositivo Orcam My Eye para alunos e professores cegos, além de fazermos a avaliação diagnóstica e somativa para contribuir com as ações da recuperação da aprendizagem”, completou Alan.

Leia mais:  Governo estuda meios para implementar alterações do ICMS em Mato Grosso

Fábio Pereira Vaz se impressionou com os números da estrutura, que também são gigantes. A Rede Estadual de Ensino em Mato Grosso conta com 700 unidades escolares e aproximadamente 370 mil estudantes. “Temos em Tocantins quase quinhentas unidades escolares e cerca de 160 mil alunos matriculados. Uma estrutura menor, no entanto, tão desafiadora quanto a rede de Mato Grosso”, analisou Vaz.

Segundo ele, o interesse pela experiência educacional de Mato Grosso começou após uma visita ao Ministério da Educação, em Brasília, e à sede do Google, em São Paulo. “Em ambas as instituições fomos recomendados a visitar a Secretaria de Educação de Mato Grosso e a conhecer os seus programas e ações. Hoje estamos aqui para verificar in loco e vamos aplicar em Tocantins tudo o que está dando certo aqui”, finalizou Fábio Vaz.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook

MT

Governo de MT firma parceria com municípios para construção de casas populares nesta sexta-feira (1º)

Published

on

O governador Mauro Mendes assina nesta sexta-feira (1º.07) os termos de compromisso com mais de 50 municípios que vão aderir ao programa Ser Família Habitação. A solenidade será realizada no Salão Nobre Cloves Vettorato, no Palácio Paiaguás, às 16 horas.

O programa foi idealizado pela primeira-dama Virginia Mendes e será executado em conjunto pelas Secretarias de Assistência Social e Cidadania (Setasc) e Infraestrutura e Logística (Sinfra), com o objetivo de garantir qualidade de vida e ampliar o acesso à moradia digna para a população vulnerável.

As casas serão construídas por meio de convênios, em que o Estado irá repassar recursos para os municípios realizarem as obras. A previsão inicial é de construir 3 mil casas populares com recursos próprios do Governo.

Ser Família Habitação

O programa do Governo de Mato Grosso foi criado após aprovação pela Assembleia Legislativa e sanção do governador Mauro Mendes, em novembro de 2021.

Serão beneficiadas com as unidades, pessoas que pertençam a um grupo familiar cuja renda per capita não ultrapasse R$ 100, tendo preferência as pessoas com menor renda. Também é necessário morar no município há pelo menos cinco anos e não ter sido beneficiada em outro programa habitacional de interesse social.

Leia mais:  Nota MT sorteia R$ 250 mil em prêmios nesta quinta-feira (23)

O valor para construção de cada unidade será de até R$ 60 mil e, além disso, cada conjunto habitacional deve ter no mínimo 10 e no máximo 50 casas.

Serviço

Governo de MT firma parceria com municípios para construção de casas populares

Data e hora: sexta-feira (1º.07), às 16h

Local: Salão Nobre Cloves Vettorato, no Palácio Paiaguás, em Cuiabá

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue Reading

MT

Baixa alíquota do ICMS reflete diretamente no preço do etanol na bomba

Published

on

Em alguns postos da Baixada Cuiabana, o consumidor já pode abastecer seu veículo com etanol a R$ 3,89, tornando-o novamente competitivo, por estar sendo vendido a um valor pouco acima da metade (55%) do cobrado pela gasolina, cujo preço ainda é de cerca de R$ 7. Este valor é reflexo do fato de Mato Grosso ter a menor alíquota (12,5%) de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) do país. 

Segundo levantamento mensal feito pela Unidade de Pesquisa Econômica e Análise da Receita da Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz), o preço do etanol, quando comparado ao mês de maio deste ano, teve o seu preço reduzido em 130 municípios mato-grossenses, sendo que em 11 deles a queda foi superior a 10%.

Em três, Cuiabá, Várzea Grande e Nova Lacerda, a queda foi de 12%, enquanto em outros três (Guiratinga, Nossa Senhora do Livramento e Vale de São Domingos) caiu 11%. Em Acorizal, Paranaíta, Conquista d’Oeste, Alto Taquari e Santo Antônio do Leverger, a queda foi de 10%. Com isso, o preço médio praticado no Estado, no período estudado, está em R$ 4,66.

Leia mais:  Estudantes poderão escolher duas áreas de conhecimento para cursar em 2023

Com isso, os preços praticados variam de R$ 3,89 (promocional), na Baixada Cuiabana, a R$ 6,13, em Porto Alegre do Norte (distante 1.130 quilômetros de Cuiabá).

Ainda segundo levantamento da Sefaz, o preço da gasolina, cuja alíquota do ICMS foi reduzida de 25% para 23% desde janeiro deste ano, caiu em 21 municípios mato-grossenses, com queda variando entre 2,5% e 0,71%. “No entanto, houve movimento inverso de alta nos preços, principalmente em locais mais distantes de Cuiabá, sendo verificados aumento de preços acima de 1% em pelo menos 81 municípios”, pontua o levantamento.

Com isso, o preço médio da gasolina comercializada em Mato Grosso é de R$ 7,36, sendo o mais barato comercializado, na média, abaixo de R$ 7 em Nossa Senhora do Livramento (R$ 6,80), Juscimeira (R$ 6,83), Alto Garças (R$ 6,89), Acorizal (R$ 6,91) Várzea Grande (R$ 6,94) e Cuiabá (R$ 6,94). Já os valores médios mais altos estão sendo praticados, acima de R$ 8, em São Felix do Araguaia, Vila Rica, Novo Santo Antônio, Alto Boa Vista, Serra Nova Dourada, Colniza, Aripuanã, Apiacás, Nova Monte Verde e Nova Bandeirantes.

Leia mais:  Cavalhada de Poconé ocorre neste domingo (26) após dois anos de hiato

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue Reading

Segurança

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana

Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262