conecte-se conosco


MT

Seduc esclarece sobre licitação para compra de livros paradidáticos

Publicado


Em relação à matéria do site O Antagonista dando conta de suposta aquisição de 1,3 milhão de livros paradidáticos, a Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT) esclarece que:

1 – Foi realizada licitação para o registro de preços de livros e materiais didáticos complementares (paradidáticos), conforme os parâmetros estabelecidos pela BNCC (Base Nacional Comum Curricular). Porém, o processo ocorreu para a expectativa de futura aquisição, ou seja, não ocorreu nenhuma compra até o momento, tampouco pagamento.

2 – A quantidade orçada na licitação foi de 498 mil livros, e não 1,3 milhão, contemplando materiais sobre Consciência Fonológica para 48 mil alunos; sobre Educação Financeira para 150 mil; e Educação Socioemocional para 300 mil estudantes.

3 – Diferente do que foi divulgado na matéria, o valor orçado pela licitação para esta quantidade de livros foi de R$ 25 milhões, e não de R$ 77 milhões. É importante lembrar que esses materiais foram escolhidos de acordo com os parâmetros de qualidade pedagógica da rede estadual, após pregão realizado com ampla divulgação e possibilidade de participação de editoras de todo o país.

Leia mais:  Procon-MT suspende expediente no período vespertino nesta quinta-feira (13)

4 – A compra desses materiais só deverá ser efetivada após a confirmação do cronograma de retorno das aulas híbridas ou presenciais.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook

MT

Entrega dos cartões do auxílio em Cuiabá termina na sexta-feira (14.05)

Publicado


Termina nesta sexta-feira (14.05), às 13h, a entrega dos cartões do Ser Família Emergencial para os beneficiados de Cuiabá. No total, serão entregues mais de 12 mil documentos para famílias que vivem abaixo da linha da pobreza, inclusas no Cadastro Único das Políticas Sociais Brasileiras do Ministério da Cidadania (CadÚnico), e que recebem até R$ 70 per capita por mês.

O contemplado precisa ir pessoalmente até a sede da Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc), munido de documento pessoal com foto e CPF. O benefício garante R$ 150 por mês, durante cinco meses, exclusivamente para aquisição de alimentos em mais de 700 estabelecimentos cadastrados. A lista dos supermercados está disponível no site da Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc).

É extremamente proibida a aquisição de bebidas alcoólicas, produtos a base de tabaco, cosméticos e combustíveis. O estabelecimento que for identificado comercializando produtos que não sejam de gênero alimentício, através do cartão do Ser Família Emegencial, poderá ser descredenciado, e a situação relatada aos órgãos de controle.

Leia mais:  Espetáculo musical ‘Nota-Si’ será apresentado no domingo em Sinop

Em todo o Estado, serão beneficiadas 100 mil famílias mato-grossenses que vivem abaixo da linha da pobreza. O auxilio emergencial foi criado pelo Governo do Estado após pedido da primeira-dama Virginia Mendes. 

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

MT

Entrega dos cartões do auxílio emergencial para Cuiabá termina na sexta-feira (14.05)

Publicado


Termina nesta sexta-feira (14.05), às 13h, a entrega dos cartões do Ser Família Emergencial para os beneficiados de Cuiabá. No total, serão entregues mais de 12 mil documentos para famílias que vivem abaixo da linha da pobreza, inclusas no Cadastro Único das Políticas Sociais Brasileiras do Ministério da Cidadania (CadÚnico), e que recebem até R$ 70 per capita por mês.

O contemplado precisa ir pessoalmente até a sede da Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc), munido de documento pessoal com foto e CPF. O benefício garante R$ 150 por mês, durante cinco meses, exclusivamente para aquisição de alimentos em mais de 700 estabelecimentos cadastrados. A lista dos supermercados está disponível no site da Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc).

É extremamente proibida a aquisição de bebidas alcoólicas, produtos a base de tabaco, cosméticos e combustíveis. O estabelecimento que for identificado comercializando produtos que não sejam de gênero alimentício, através do cartão do Ser Família Emegencial, poderá ser descredenciado, e a situação relatada aos órgãos de controle.

Leia mais:  Deputado apresenta projeto para coibir ataques criminosos em escolas de MT

Em todo o Estado, serão beneficiadas 100 mil famílias mato-grossenses que vivem abaixo da linha da pobreza. O auxilio emergencial foi criado pelo Governo do Estado após pedido da primeira-dama Virginia Mendes. 

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Segurança

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana





Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262