Connect with us

Meio Ambiente

Sema-MT é órgão estadual mais bem avaliado na gestão de transferências da União

Published

on

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT) foi certificada na categoria Bronze 4 em Nível de Maturidade de Gestão na Aplicação do Instrumento de Melhoria da Gestão das Transferências da União (IMG-Tr), com nota 93,94 de um total de 100 possíveis.

O certificado é concedido pelo Ministério da Economia e garante prioridade no acesso aos recursos federais. O critério para a concessão é a excelência para a governança e a gestão de transferências de recursos da União, operacionalizada por meio da Plataforma + Brasil.

“Reputo esta certificação como reconhecimento nacional de todo o trabalho da equipe Sema para melhorar a gestão ambiental em Mato Grosso, entregando para sociedade melhores resultados. Há muito o que avançar, e seguiremos com esse objetivo agora mais motivados pela certificação recebida”, afirma a secretária de Estado de Meio Ambiente, Mauren Lazzaretti. 

A cada aplicação de um dos instrumentos de melhoria de gestão, o órgão ou entidade recebe uma certificação e uma nota apontando o seu nível, com validade de 18 meses. O certificado recebido pela Sema foi conferido em março de 2022, referente ao 1º ciclo de avaliação, em 2020. 

A finalidade é levar as organizações públicas a padrões elevados de desempenho e qualidade em gestão. São levados em consideração os fundamentos da gestão por excelência: governança, estratégias e planos, sustentabilidade e capital intelectual, compromisso com as partes interessadas, orientação por processos e geração de valor público. 
 

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook

Meio Ambiente

Estado fecha o semestre com apreensão de mais de 160 máquinas e R$ 570 milhões em multas aplicadas por crimes ambientais

Published

on

O Estado fechou o primeiro semestre do ano com a apreensão de 162 equipamentos, entre maquinários, tratores e veículos, R$ 570 milhões em multas aplicadas, resultado de 117 operações de combate aos crimes ambientais. Cerca de 51% das multas aplicadas foram por meio de operações in loco e o restante, de modo remoto por imagens de satélite de alta resolução.

O balanço integra dados da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT), Polícia Militar (PMMT) e o Corpo de Bombeiros Militar (CBMMT), que fazem parte do Comitê Estratégico para o Combate do Desmatamento Ilegal, a Exploração Florestal Ilegal e aos Incêndios Florestais (CEDIF-MT), com apoio de outras instituições e órgãos estaduais. 

Foram retirados de infratores 53 tratores pneus, 43 tratores esteiras, 47 caminhões e 19 veículos, flagrados em crimes ambientais durante o período. Destes, apenas nove foram inutilizados, por não haver como remover em local de difícil acesso.

A maioria das multas aplicadas é por desmate ilegal, somando R$ 403 milhões. Em seguida, por descumprimento de embargo de área (R$ 41 milhões), exploração florestal ilegal (R$ 37 milhões), fiscalização de estabelecimentos (R$ 19 milhões), descumprimento de notificação (R$ 18 milhões) e queimada ilegal (R$15 milhões).

Foram emitidos 1.898 autos de infração de crimes ambientais no período. Colniza está em primeiro lugar no valor de multas aplicadas por crimes ambientais (R$ 52 milhões), seguida por Marcelândia (R$ 50 milhões), Rosário Oeste (R$ 40 milhões), Aripuanã (R$ 25 milhões) e Juara (R$ 24 milhões).

Para a emissão dos alertas de desmate ilegal, é utilizada a plataforma de Imagens de Satélite Planet, que monitora todo o território estadual com imagens de alta resolução. Adquirida em 2019, a ferramenta é financiada pelo Programa REM Mato Grosso. Neste ano, o valor investido no combate aos crimes ambientais soma R$ 60 milhões, que incluem o combate ao desmatamento ilegal e aos incêndios florestais.

Operação Cedif – A Operação continua em todo o Estado. Foram colocadas em campo mais de 31 equipes, compostas por 100 efetivos, para combater crimes ambientais. A Operação Cedif tem este nome por integrar todos os órgãos estaduais e federais, além de instituições parceiras, que fazem parte do Comitê Estratégico para o Combate do Desmatamento Ilegal, Exploração Florestal Ilegal e Aos Incêndios Florestais (Cedif).

Denúncias
Ao se deparar com crimes ambientais, o cidadão pode fazer denúncias pelo 0800 065 3838, WhatsApp (65) 99321-9997 ou via aplicativo MT Cidadão (disponível para IOS e Android). 

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue Reading

Meio Ambiente

Governo entrega nova sede do Batalhão de Emergências Ambientais do Corpo de Bombeiros

Published

on

O governador Mauro Mendes entrega nesta sexta-feira (01.07), às 8h30, a nova sede do Batalhão de Emergências Ambientais (BEA), localizada na esquina das avenidas Dom Bosco e Dom Aquino, em Cuiabá. A solenidade, que conta com a presença do secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamente, e do comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso, coronel Alessandro Borges, também marca a promoção de 148 militares que alcançaram ascensão na carreira. 

O novo quartel foi estruturado para atuação dos bombeiros no trabalho de prevenção e combate aos incêndios florestais no Estado. Além disso, a unidade foi equipada com recursos tecnológicos de monitoramento via satélite, capazes de identificar focos de calor e detectar incêndios nos biomas mato-grossenses: Pantanal, Cerrado e Amazônia.

A expansão das unidades do CBM é um reflexo dos investimentos do Governo de Mato Grosso, que possibilitaram a estruturação das bases existentes e abertura de outras, com integração de outras instituições que também atuam na preservação do meio ambiente.

Serviço

Pauta: Entrega da sede do Batalhão de Emergências Ambientais do Corpo de Bombeiros Militar e promoção de 148 militares

Dia e hora: Sexta-feira (01.07), às 8h30

Local: Avenida Dom Bosco, esquina com av. Dom Aquino, 311 – Bandeirantes, em Cuiabá (próximo a Igreja Nossa Senhora Auxiliadora).

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue Reading

Segurança

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana