Connect with us

MT

Sesp debate medidas de segurança pública com moradores de Campo Verde

Published

on

A população de Campo Verde (135 km de Cuiabá no sentido leste) está convidada para participar, nesta sexta-feira (13.05), de três ações de segurança comunitária. O evento é realizado pela Secretaria de Segurança Pública, por meio da Coordenadoria Estadual de Polícia Comunitária, em parceria com a prefeitura municipal. Entre as atividades, estão a apresentação do projeto Comunidade Inteligente e a realização do projeto Comunidade Integrada. 

A programação começa às 8h, com a abertura do Encontro Regional dos Conselhos Comunitários de Segurança (Consegs) dos Municípios da Região Leste de Mato Grosso, com a presença de representantes de Campo Verde, Primavera do Leste, Poxoréu, Santo Antônio do Leste, Paranatinga e Gaúcha do Norte.

Serão definidas as medidas de fortalecimento das forças de segurança, para ampliar os planos de enfrentamento da criminalidade nos municípios da região. A intenção é aproximar cada vez mais a população das forças de segurança, o que pode contribuir para melhorar a qualidade do serviço prestado à comunidade.

Às 10 horas, será apresentado o programa Comunidade Inteligente, cuja finalidade é o videomonitoramento de bairros para ampliar a segurança dos moradores e auxiliar as forças de segurança no combate às ações criminosas. O projeto já foi implantado no bairro Santa Rosa, em Cuiabá, e está em processo de implantação em outros 14 municípios do estado. 

Leia mais:  Botelho aparece com 4,5% das intenções de votos; Juca surpreende e alcança 3% para estadual, aponta PercentBrasil

A partir de 13 horas, a comunidade poderá participar e conhecer uma exposição das instituições que compõem as forças de segurança. O evento é voltado a crianças e adolescentes, para despertar o conhecimento sobre as diferentes atribuições de cada instituição e sobre como elas podem ajudar o cidadão em seu cotidiano.

Durante esse evento, serão escolhidas as três melhores redações escritas pelas crianças campoverdenses, com o tema “O que eu posso fazer para melhorar a segurança pública do meu município?”. Os vencedores serão contemplados com um passeio de helicóptero sobrevoando a cidade onde vivem.

Participam da exposição as polícias Militar e Civil, Corpo de Bombeiros, Politec, Grupo Especial de Segurança de Fronteira (Gefron), Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), Rede Cidadã e Polícia Comunitária.

Programação:

8h – Encontro dos Consegs da 11ª Região Integrada de Segurança Pública (Risp), no Centro Empresarial de Campo Verde (Cemp).

10h – Lançamento e apresentação do projeto Comunidade Inteligente às autoridades, população e conselheiros de segurança, no Centro Empresarial de Campo Verde (Cemp).

Leia mais:  Mais de 1.500 pessoas competiram na Corrida do Legislativo (veja os ganhadores)

13h – Abertura do projeto Comunidade Integrada, com exposições e apresentações das forças de segurança, na praça das Araras. 

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook

MT

Seduc promove seminário para debater com gestores municipais exclusão e abandono escolar

Published

on

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT) promoveu, nesta segunda e terça-feira (16 e 17.05) o Seminário Estadual da Busca Ativa Escolar (BAE), em parceria com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), União dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime-MT). O objetivo do evento é apoiar gestores municipais para trazer de volta crianças e adolescentes que estão fora da sala de aula.

O seminário ocorreu no auditório da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), em Cuiabá, e reuniu gestores de todos os municípios envolvidos com o Busca Ativa Escolar, estratégia composta por uma metodologia social e uma ferramenta tecnológica, criada pelo Unicef e Undime, e disponibilizadas gratuitamente para todos os municípios do país.

O secretário de Estado Educação, Alan Porto, reforçou a importância de os gestores educacionais operacionalizarem a plataforma com alimentação de dados, pois somente assim será possível entender a realidade vivida nos municípios e criar as políticas públicas necessárias para mudar o quadro da evasão. A plataforma serve como um grande banco de dados que permite a comunicação entre diferentes áreas, armazenando dados sobre cada caso que passa a ser acompanhado.

Leia mais:  Governo credencia estabelecimentos com valores a receber de empresa que teve contrato rescindido

“Além do esforço de todos para encontrar essas crianças e adolescentes, é preciso garantir o acesso das informações na plataforma. Elas vão muito além de colocar o estudante em sala. É urgente atuarmos para atender aos três pilares, garantir o acesso, mas também a permanência e o aprendizado desses estudantes. Tudo com muita dignidade”, ressaltou Alan Porto.

Esta proposta de busca ativa se difere das outras existentes, pois não procura apenas colocar as crianças na escola. Para mudar a situação, se propõe a descobrir o motivo pelo qual elas saíram ou abandonaram a sala de aula.

Ação que requer uma articulação intersetorial, pois vai além de olhar os direitos educacionais dos jovens, envolvendo também a saúde, assistência social, conselhos tutelares, além de outros serviços da rede para atender crianças e, na maioria das vezes, suas famílias.

Apesar de 93% dos municípios mato-grossenses terem aderido ao projeto, 58 cidades estão inativas, ou seja, não estão utilizando a plataforma BAE. O esforço agora é para que todos os municípios participem do processo e, que os inativos passem a alimentar a plataforma.

Leia mais:  Botelho aparece com 4,5% das intenções de votos; Juca surpreende e alcança 3% para estadual, aponta PercentBrasil

Nesta terça-feira, foi realizada uma capacitação para garantir a melhor operacionalização de dados e também uma troca de experiências para que a busca seja de fato realizada e efetiva.

Participam também da união de esforços a Associação para Desenvolvimento Social dos Municípios (APDM-MT), o Instituto Peabiru e o Tribunal de Contas do Estado (TCE-MT).

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue Reading

MT

Ação educativa do Detran reforça sobre os perigos de dirigir alcoolizado

Published

on

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT) realizou nesta terça-feira (17.05) uma palestra educativa para 120 colaboradores do Grupo Petrópolis, em Cuiabá, sobre a percepção dos riscos no trânsito com ênfase nas condições adversas ao condutor. A ação faz parte da campanha Maio Amarelo 2022.  

Na palestra, realizada por meio da Gerência de Ações Educativas, foram tratados de temas como legislação de trânsito e o perigo de dirigir após a ingestão de bebida alcoólica, uma das condutas que mais causam acidentes graves e com vítimas fatais.

Durante a ação, os colabores também puderam conhecer o aparelho etilômetro e realizar o teste de alcoolemia, recebendo orientações sobre as penalidades administrativas para quem for flagrado dirigindo alcoolizado.

“É importante esse processo de falar sobre educação para o trânsito nas empresas de transporte tanto com os colaboradores quanto com os motoristas profissionais. É um momento em que muitas dúvidas são esclarecidas e com interação entre eles como forma de trocar experiências e reforçar a importância das regras e da responsabilidade de cada um para um trânsito mais seguro”, observou a gerente de Ações Educativas do Detran-MT, Gresiella Almeida.

E as ações continuam. Na noite de hoje (17.05), por volta das 19 horas, será realizada uma abordagem educativa (pit stop) na avenida da FEB, em Várzea Grande, com a participação do Detran, da Secretaria de Segurança Pública, por meio do Gabinete de Gestão Integrada (GGI), Batalhão de Trânsito da Polícia Militar e Secretaria de Mobilidade Urbana de Cuiabá (Semob). A intenção é abordar os condutores de veículos, motociclistas, pedestres com entrega de materiais educativos e sensibilizá-los quanto à temática segurança viária, foco da campanha Maio Amarelo 2022.

Leia mais:  Botelho aparece com 4,5% das intenções de votos; Juca surpreende e alcança 3% para estadual, aponta PercentBrasil

Campanha Maio Amarelo

O tema da campanha Maio Amarelo este ano é “Juntos Salvamos Vidas”. O objetivo é chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito, buscando uma reflexão sobre atitudes mais seguras no trânsito.

As atividades da campanha em Mato Grosso estão sendo desenvolvidas pelo Detran-MT, Polícia Militar, Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) de Cuiabá, Guarda Municipal de Várzea Grande e outras instituições que atuam no trânsito.

Confira a programação em Mato Grosso:

Dia 18/05 – 14h- Palestra educativa no grupo Mônaco, em Cuiabá

19h – Palestra na Faculdade Uniasselvi, em Cuiabá

Dia 19/05 – Palestra educativa para alunos do Ensino Fundamental da Escola Estadual Antônio Gatiboni, em Várzea Grande

19h30 – Ação educativa “Amigo da Rodada” em bares de Cuiabá/ Encontro Regional de educadores do Sistema Nacional de Trânsito (Educatran – Regional Centro Oeste)

Dia 20/05 – Encontro Regional de educadores do Sistema Nacional de Trânsito (Educatran – Regional Centro Oeste)

Leia mais:  Governo leva projeto Comunidade Inteligente à Região Leste do Estado

De 23 a 27/05 – Festival de Trânsito – etapa Aricá Mirim Campo Verde – PRF

Dia 23/05 – Encontro de pedais – na Arena Pantanal, em Cuiabá, com Gabinete de Gestão Integrada da Sesp-MT e Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer (Secel)

Dia 24/05 – 16h – Pit stop na avenida 15 de novembro, em Cuiabá

Dia 25/05 – Palestra educativa para alunos do ensino médio da Escola Tiradentes, em Cuiabá  

Dia 26/05 – 7h – Palestra no Centro Municipal de Educação Infantil Wilson Sodré, Várzea Grande

Dia 27/05 – Ação educativa “Amigo da Rodada” em bares de Várzea Grande

Dia 29/05 – Caminhada Maio Amarelo (a confirmar)

Dia 30/05 – 7h – Palestra para alunos do ensino fundamental da Escola Juvenilha Monteiro, em Várzea Grande

Dia 31/05 – Encerramento da campanha Maio Amarelo em Mato Grosso

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue Reading

Segurança

MT

Brasil

Economia & Finanças

Mais Lidas da Semana

Copyright © 2018 - Agência InfocoWeb - 66 9.99774262